Network: O que é e como fazer?

06 de novembro de 2020
Última modificação: 06 de novembro de 2020

Autor: Guilherme Mendes
Categorias: Blog, Carreira

Você já deve ter ouvido o termo networking em alguma conversa ou lido em alguma rede social, certo? Esse é um termo derivado da palavra inglesa “network”, que em português literal quer dizer “net é rede” e “work é trabalho”. Ou seja, é uma ferramenta de trabalho em rede, ou uma rede de trabalho, como preferir. Mas qual o conceito por trás da palavra e por que é importante? Neste artigo discutiremos tudo o que precisa saber sobre network e o impacto na sua carreira. Confira:

O que é network?

Network é uma palavra de origem inglesa e tem como proposta definir como profissionais estabelecem e trocam experiências e informações de mercado, a fim de potencializar oportunidades de negócio através  das relações humanas. Já networking, é o ato ativo de estabelecimento de relações e manutenção delas.

É então, uma “rede de contatos”, que cada profissional constrói a sua maneira para cultivar relações em diferentes ambientes e futuramente utilizar essa rede de contatos para alguma finalidade que o favoreça. 

Vendedores, por exemplo, costumam ter uma vasta  rede de contatos. Isso os auxilia a apurar sua percepção de mercado, bem como estruturar planos comerciais estratégicos enquanto exerce essa função. 

Contudo, o networking não se restringe apenas a relações comerciais. Essa técnica também serve para estreitar amizades, visualizar oportunidades de carreira e até mesmo sair na frente em algumas vagas de trabalho. O que gera uma divisão de opiniões e é amplamente conhecido, neste caso, como QI “quem indica”.

De qualquer forma, é pertinente ressaltar que criar um network amplo e robusto é a melhor maneira para absorver informações de diferentes fontes e assimilar percepções e visões de fora da sua “bolha”. Ou seja, busque conhecer e se conectar a pessoas de outras áreas e segmentos, idades e gostos, isso o auxiliará muito mais que se manter estático a um assunto e uma única abordagem dele.

Qual a importância e benefícios?

Nós, humanos, somos seres extremamente sociáveis e que não alcançamos nada sozinhos. A vivência em sociedade e o compartilhamento de informações e ideias é o que nos impulsiona rumo aos avanços sociais e tecnológicos, e estabelece a cultura de criatividade e questionamentos. Isso acontece em todos os ambientes, principalmente no organizacional. 

Essa troca de informações e criação de conexões é importante para atingirmos objetivos em conjunto e desempenharmos funções e tarefas de maneira assertiva e benéfica.

Hoje, as organizações estão muito melhor preparadas e dispostas a criar ambientes colaborativos e conectados a parceiros de negócios e setores diferentes. Conviver com pessoas inspiradoras, ou que possuem potencial criativo aprimora a percepção do indivíduo e o capacita a desempenhar sua função com maior noção e engajamento.

Quantas vezes, por exemplo, você se pegou com uma dúvida e buscou a informação com um colega do seu ou de outro departamento? Essa possibilidade de conversas multidisciplinares é a essência do network

Em um cenário mais pessoal, é bastante comum pedirmos a opinião ou ajuda de amigos sobre viagens, dicas para o dia a dia, cuidado com filhos, etc. Ainda que não esteja ligado ao mundo dos negócios, é uma prática de troca de informações baseada na capacidade que o outro tem, através de experiências, e pode ser passada para você, e vice versa.

Para que fique mais claro, elencamos benefícios diretos de possuir um network. Confira:

  • Incentivo a conhecer novas pessoas e propostas;
  • Aumento de chances de sucesso profissional;
  • Apoio em momentos decisivos;
  • Indicações e respaldos;
  • Capacidade de criar e consumir conteúdos novos e ricos;
  • Compartilhar conhecimentos diversos;
  • Encurtamento do caminho para objetivos profissionais.

Crie sua rede de conexões e, tenha claro que um dos maiores benefícios do network é possuir livre acesso a informações e oportunidades relevantes e diversas, através da conexão humana.

Como fazer networking?

A melhor maneira de fazer networking é criar memórias e lembranças com pessoas com quem se relaciona. Seja participando de eventos, executando tarefas com primor ou se comprometendo com a organização. Afinal, pessoas que são lembradas sempre tem vantagem para serem escolhidas para participar de oportunidades que surjam. Portanto, paute suas atitudes através de três pilares:

Utilidade:

Seja útil e proativo para as pessoas com quem trabalha ou se relaciona. Afinal, isso reforça o sentimento de colaboração e faz com que você seja considerado mais vezes para assumir tarefas e responsabilidades. 

Visibilidade:

Para ser lembrado é necessário ser visto. Portanto, mantenha-se visível e faça com que seu trabalho impacte, de forma genuína e positiva, os resultados da organização. Além disso, manter sua rede de contatos atualizada é sempre útil. Outra dica é se fazer presente em mídias sociais como o LinkedIn, por exemplo.

Acessibilidade:

O princípio do network é realizar a troca de informações, certo? Então você precisa estar acessível a sua rede de contatos. Seja pessoalmente ou virtualmente, crie o hábito de retornar e-mails, participar de reuniões e se mostrar disponível as pessoas que o veem como alguém inspirador ou dominante de um assunto.

A partir daí, com base nos três pilares, você pode fazer networking através de atitudes simples, por exemplo:

  • Compartilhe ideias e convide outros para opinar;
  • Seja comprometido e verdadeiro com seus contatos. Quebre o tabu de manter um network por interesse;
  • Mostre seu valor e interesses aos outros;
  • Exponha objetivos e planos futuros com as pessoas que tem maior afinidade;
  • Participe de eventos;
  • Saiba se comunicar e se expressar. Tanto a fala quanto os gestos fazem com que a mensagem que quer passar atinja o ouvinte da melhor forma;
  • Faça da sua presença uma oportunidade. Absorva o ambiente e busque novas conexões onde quer que esteja;
  • Domine sua função e saiba explicá-la a pessoas de áreas diferentes.

Que ferramentas usar?

Com os avanços tecnológicos e a vastidão de contatos que podemos criar, algumas ferramentas vem se destacando, tanto para criar novos contatos quanto para melhor administrá-los. 

Por isso, separamos três ferramentas muito úteis para construir um network forte e cheio de oportunidades. Veja:

1 – Linkedin

A maior plataforma de network atua como uma verdadeira comunidade profissional, um organismo de insights e oportunidades, por assim dizer. Criar um perfil e atualizá-lo com suas experiências, certificações e habilidades é mais que necessário, é essencial. 

Mas o destaque, e a melhor forma de estabelecer fortes conexões nessa plataforma, é a partir da geração de conteúdo. As pessoas, e empresas, aqui presentes estão sempre dispostas a consumir conteúdo rico e relacionado a novas oportunidades e avanços do mercado. Portanto, foque em gerar conteúdo e ser alguém valioso para suas conexões.

2 – Meetup

O contato pessoal ainda é muito forte para criar e manter sua rede de contatos. O Meetup atua na divulgação de eventos que acontecem próximos a você. 

Você pode, ao se registrar, estabelecer seus principais interesses e, então, receber notificações de encontros que abordaram conteúdos ligados a eles. Essa filtragem e constante atualização torna sua busca por contatos mais efetiva e assertiva.

3 – Rapportive

Esta é uma ferramenta de network que visa facilitar a interação entre os contatos do LinkedIn.

Em suma, trata-se de um plug-in para seu Gmail que o permite acessar informações de suas conexões do LinkedIn, diretamente em seu e-mail.

Com isso, você pode enviar e receber e-mails dos contatos que criou no LinkedIn e estreitar suas relações ainda mais.

Como manter bons contatos?

Para manter bons contatos é preciso comprometimento. Portanto, busque, inicialmente, pessoas com interesses em comum, sejam amigos, familiares ou colegas de trabalho. Possuir uma relação mais estreita e que “fala a mesma língua” o ajudará. Contudo, não se limite a isso. 

Com o tempo, assuma uma abordagem mais curiosa e criativa, sem abandonar a sinceridade. Fortaleça seus relacionamentos e aventure-se em outros segmentos e nichos. Preze sempre pela autenticidade e na geração de valor mútua.

No mais, lembre-se de:

  • Compartilhar informações;
  • Comemorar vitórias;
  • Agradecer os apoios;
  • Auxiliar os demais;
  • Não se manter apenas no digital.

O impacto na carreira

Criar e manter um network aquecido o ajuda imensamente na carreira. Seja através de indicações de novas oportunidades ou mesmo recomendações. Essa prática torna a ascensão profissional algo muito mais fluido, além de que essa valorização das informações trocadas faz com que o comodismo não se estabeleça.

O segredo para que seu network impacte positivamente na sua carreira é continuar sempre se atualizando, trocando informações e buscando visões e interpretações diferentes das suas.

Uma forma de manter-se atualizado e deixar suas conexões atentas a respeito de suas conquistas, é compartilhar suas certificações em cursos e participação em eventos em suas redes sociais, como o LinkedIn, por exemplo.

Aqui na FM2S valorizamos em muito a busca pela ascensão profissional e o aprimoramento do conhecimento. Por isso, criamos a Assinatura FM2S, com ela, durante um ano, você tem acesso a todas as certificações mais requisitadas pelo mercado, participa de grupos de networking exclusivos, recebe mentoria online e todos os meses acessa conteúdos novos, além de ter disponível todos os materiais de apoio que o auxiliarão no dia a dia.

Gostou? Então clique no banner abaixo e saiba mais:

 

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *