Tipos de Engenharia: Principais Cursos e Instituições de Graduação

Tipos de Engenharia
12 de novembro de 2020
Última modificação: 12 de novembro de 2020

Autor: Guilherme Mendes
Categorias: Carreira

Existem diversos tipos de engenharia no mercado. Estão entre os cursos mais tradicionais do mercado de trabalho hoje em dia. São procurados em geral primeiramente por aqueles que estão em buscas de aplicações avançadas na área de exatas. Outros atrativos para esse curso são os altos salários oferecidos e a versatilidade de aplicações abrangendo desde a pesca, até os sistemas aeroespaciais. Dessa forma, o estudante pode ter mais opções ao escolher o campo de estudo que quer se dedicar.

A fim de ajudar na sua escolha, neste artigo reunimos alguns dos principais tipos de engenharia no mercado, elencando o que se aprende em casa um, quais são as principais atribuições, desafios e recompensas da carreira. Confira!

Confira também:

Engenharia Aeronáutica

O primeiro tipo de engenharia ao qual falaremos é a Engenharia Aeronáutica. Nela, o engenheiro irá trabalhar com o projeto e construção de aeronaves, helicópteros, jatos, entre outros. Assim, profissional estará apto em realizar o gerenciamento das atividades aéreas.

Durante o curso você terá que lidar com um vasto conhecimento da área de exatas, especialmente a geometria espacial e cálculo. Além disso, outras disciplinas como a física, química e análise estatística servem de alicerce para outras matérias de abordagem mais técnica como a própria aerodinâmica.

Os termos Aeroespacial e Aeronáutico são frequentemente usados alternadamente, mas há diferenças importantes entre os dois. Primeiramente, a Engenharia Aeronáutica se refere a embarcações que permanecem em nossa atmosfera, enquanto a Engenharia Aeroespacial se refere a aeronaves que se aventuram fora de nossa atmosfera.

Entre as universidades que mais se destacam neste curso estão o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e a Universidade de São Paulo (USP).

Engenharia Civil

Uma das mais antigas e talvez uma das mais populares engenharias está a Engenharia Civil. Acredita-se também que, por conta da estagnação econômica provocada pela má gestão governamental e pela pandemia, consiste na engenharia mais prejudicada no país.

Ademais disso, o profissional desta área é o responsável por projetos e execução de obras que abrangem desde casas até viadutos. Também possui uma forte formação nos estudos do solo e dos tipos de fundação.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Civil:

• Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA);
• Instituto Militar de Engenharia (IME);
• Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM);
• Universidade Estadual de Maringá (UEM);
• Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Se você quiser entender mais sobre o curso de Engenharia Civil, clique aqui.

Engenharia de Alimentos

Estuda a produção de alimentos em larga escala. O curso capacita profissionais para exercer das mais variadas tarefas, desde as mais administrativas, até mesmo as mais científicas. Os conhecimentos são aplicados na fabricação, conservação além de toda logística de distribuição de alimentos.

No entanto exige-se do profissional um alto senso de responsabilidade e ética, uma veze que os alimentos influem diretamente o bem-estar das pessoas.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Alimentos:

• Universidade Federal de Viçosa (UFV);
• Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP);
• Universidade Estadual Paulista (UNESP).

Engenharia do Petróleo

Consiste na engenharia responsável por diversas cadeias produtivas que vão do gás natural ao biocombustível. Assim, este profissional é especializado em técnicas para descoberta de jazidas, incluindo produção e tratamento. Sua atuação se dá em alto-mar, seja em navios petroleiros, ou mesmo em plataformas e refinarias.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Petróleo:

• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
• Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (Uenf);
• Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio);
• Universidade de São Paulo (USP).

Se quiser saber mais sobre o curso de Engenharia de Petróleo clique aqui.

Engenharia Agrícola

Já o profissional de engenharia agrícola é o responsável pelo domínio ferramentas técnicas e equipamentos da produção agrícola buscando, portanto, soluções para melhorar a produção de alimentos da agricultura. Além disso, o engenheiro agrícola é quem impossibilita que o solo seja esgotado, como também impede a poluição de lençóis freáticos. Entre outros processos com os quais ele trabalha estão a secagem de grãos e a construção de barragens e açudes.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Agrícola:

• Universidade Federal de Lavras (UFLA);
• Universidade Federal de Viçosa (UFV);
• Universidade Federal de Campina Grande (UFCG);
• Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE);
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Engenharia Ambiental

Curso derivado da Engenharia Química, consiste na engenharia que está mais atrelada às atividades de desenvolvimento sustentável. Assim, ele aborda condições ambientais através de técnicas, responsáveis por minimizar os efeitos dos refugos e subprodutos de processos industriais.

Além disso, este profissional é responsável por Estudos de Impacto Ambiental (EIA). Estes são premissas da legislação para construção de estradas, barragens e na ocupação de mananciais. Por fim, este é um dos tipos de engenharia que mais se tem versatilidade na área de trabalho.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Ambiental:

• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
• Universidade de São Paulo (USP);
• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
• Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Clique aqui e conheça mais sobre o curso de Engenharia Ambiental.

Engenharia Cartográfica

Consiste no ramo da Engenharia que realiza análise de dados geográficos como vegetação, relevo e muitos outros para a construção de mapas. Assim, são responsáveis por gerir dados relativos à superfície da Terra.

Para isso, o curso ensina sobre as mais modernas tecnologias para estudos geográficos e consta com disciplinas como a topografia, pedologia e a própria cartografia.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Cartográfica:

• Instituto Militar de Engenharia (IME);
• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) – Rio Grande do Sul;
• Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Paraná;
• Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp);
• Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Engenharia da Computação

Em contrapartida à Engenharia Civil, a Engenharia da Computação foi um dos tipos de engenharia que experimentou um elevado crescimento devido ao aumento de compras online provocado pela pandemia. Essa engenharia é a responsável pelos sistemas de integração entre hardware e softwares.

No que tange as competências para este profissional, há uma alta carga nas ciências exatas, bem como para todas as outras engenharias, com uma ênfase especial para a matemática. Outra competência importante é a lógica.

Entre as aplicações deste profissional a parte de controle e automação, sistemas operacionais de projeto e desenvolvimento de software são as mais populares.

Instituições de referência no curso de Engenharia da Computação:

• Instituto Militar de Engenharia (IME);
• Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio);
• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
• Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA);
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Engenharia de Materiais (Manufatura)

Este profissional é o responsável pela pesquisa e desenvolvimento de diversos tipos de materiais que atendam, à melhores custos, o desempenho requerido pelos mesmos. As indústrias metal-mecânica e do petróleo são as que mais contratam esses profissionais, seguidas pela construção civil.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Materiais:

• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
• Universidade Federal de São Carlos (UFSCar);
• Universidade Federal de Campina Grande (UFCG);
• Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG);
• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Confira também:

Engenharia de Telecomunicações

Celular, internet e TV a cabo são alguns dos serviços que este profissional viabiliza. Assim, a Engenharia de Telecomunicações é caracterizada como uma das engenharias que mais cresceu nos últimos anos.

Este profissional é o responsável pela implementação e manutenção das redes de telecomunicações e desenvolvimento de sistemas e equipamentos de comunicação, como os próprios cabos e fibras.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Telecomunicações:

• Universidade Federal Fluminense (UFF);
• Universidade Federal de Santa Maria (UFSM);
• Universidade Regional de Blumenau (FURB);
• Universidade Federal do Ceará (UFC);
• Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN);
• Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas).

Engenharia de Produção

Esta é a engenharia que, junto com a Civil, está entre os mais populares tipos de engenharia do mercado. O curso é para aqueles que desejam unir o status de gerente aos conhecimentos de um engenheiro, englobando qualidade, produtividade, gestão de processos e pessoas.

Aproveite para conhecer o curso de Gestão de Processos disponível na Assinatura FM2S!

Instituições de referência no curso de Engenharia de Produção:

• Universidade de São Paulo (USP);
• Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC);
• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP);
• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Engenharia Elétrica

Para aqueles que se interessam em entender o funcionamento das coisas, este é o curso certo. Dessa maneira, um engenheiro elétrico atua em tudo aquilo que envolve energia, desde a sua geração até a sua distribuição. Assim este profissional estará habilitado para desenvolver e aplicar sistemas de automação em linhas produtivas, entre outra aplicações.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Elétrica:

• Universidade de São Paulo (USP);
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP);
• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Engenharia Florestal

A fim de trazer formas de consumo mais sustentáveis e especializar o conhecimento dos recursos florestais, os engenheiros florestais atuam na seleção de mudas e sementes, além da identificação das espécies, promovendo melhorias nas suas características. Além disso, são os responsáveis pela arborização urbana, de fazendas e fazem laudos, perícias e vistorias.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Florestal:

• Universidade de Brasília (UNB)
• Universidade Federal de Lavras (UFLA);
• Universidade Federal de Viçosa (UFV);
• Universidade de São Paulo (USP).

Engenharia Industrial

Este é outro dos tipos de engenharia responsável por todos os recursos necessários para uma produção em larga escala. Dessa maneira, o profissional inspeciona todas as manutenções, implementa novas tecnologias, infraestrutura e muitos outros atributos ligados à produção. Participa dos processos desde a chegada da matéria prima, até a análise final de qualidade do produto.

Instituições de referência no curso de Engenharia de Industrial:

• Universidade Estadual de São Paulo (UNESP);
• Instituto Federal da Bahia (IFBA);
• Centro Universitário de União de Vitória (UNIUV);
• Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac);
• Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep).

Engenharia Mecânica

Em conjunto com as engenharias de produção e civil, caracteriza-se também como um dos mais populares tipos de engenharia. É responsável por trabalhar sistemas mecânicos, principalmente do setor industrial. Cuida do desenvolvimento de projetos e principalmente da construção e manutenção de máquinas e sistemas. É uma das engenharias essenciais para o crescimento do país.

Instituições de referência no curso de Engenharia Mecânica:

• Universidade de São Paulo (USP);
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP);
• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Clique aqui para saber mais sobre o curso de Engenharia Mecânica.

Engenharia Mecatrônica

Esta engenharia consiste basicamente na união entre as engenharias mecânica, elétrica e de computação. Assim, este profissional também é responsável por projetos de automação industrial. Alguns exemplos de aplicações são os caixas eletrônicos, eletrodomésticos e bombas de gasolina.

Instituições de referência no curso de Engenharia Mecatrônica:

• Universidade de São Paulo (USP);
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP);
• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
• Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Clique aqui para saber mais sobre o curso de Engenharia Mecatrônica.

Engenharia Metalúrgica

Este profissional utiliza seus conhecimentos para transformação dos minérios em metais e ligas. Entre as aplicações destes materiais estão as indústrias em geral. Além disso, existem aplicações combinadas de metais com plásticos, cerâmicas e muitos outros materiais, formando os famosos materiais compósitos.

Instituições de referência no curso de Engenharia Metalúrgica:

• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
• Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS);
• Universidade de São Paulo (USP).

Engenharia Naval

O profissional graduado em Engenharia Naval possui como função a construção de plataformas, embarcações e outros meios de transporte aquático. Além disso ele é responsável pela manutenção e projeto de equipamentos, estruturas, motores e diversos outros componentes de navios.

Entre as disciplinas mais solicitadas para esta aplicação está a mecânica e o cálculo.

Instituições de referência no curso de Engenharia Naval:

• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
• Universidade de São Paulo (USP).

Engenharia Química

Por fim, o último dos tipos de engenharia elencados para esse post é a Engenharia Química. Esta é dedicada aos processos industriais físico-químicos. Assim, é responsável por diversas técnicas de extração de matérias-prima, assim como suas utilizações ou transformações.

Instituições de referência no curso de Engenharia Química:

• Universidade de São Paulo (USP)
• Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP);
• Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
• Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
• Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Piso Salarial para Engenheiros

Conforme determinado pela Lei 4950-A/166, o piso salarial para engenheiros é de 6 salários-mínimos para 6 horas diárias de trabalho, com um acréscimo de 0,25% de adicionais. Assim, Os salários variam entre R$ 6.000,00 para engenheiro Júnior, R$ 8.000,00 para Pleno e R$ 12.000,00 para Sênior.

No entanto é importante ressaltar que os salários variam de acordo com os tipos de engenharia, nível de especialização e também de acordo com a região  onde o profissional vai exercer a profissão.

Se você quer acelerar a sua carreira, aproveite e confira a Assinatura FM2S. Acreditamos que o conhecimento é a moeda mais valiosa do mercado hoje. Assim, criamos a Assinatura FM2S. Durante 1 ano você tem acesso a cursos da área de melhoria contínua e excelência operacional, e um acervo de materiais de apoio que irão enriquecer seu repertório profissional. Aproveite para conferir.

Nos da FM2S recomendamos que, antes de escolher a sua careira, pesquise bastante sobre o seu futuro profissional e também sobre a Instituição a qual você deseja se graduar. Dessa forma, você será mais assertivo e poderá ganhar maior destaque na carreira escolhida. Esperamos ter lhe ajudado no início dessa nova jornada.

Aproveite para conhecer os cursos gratuitos da FM2S!

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − sete =