Estratégia: O que é? Quais ferramentas devo usar?

13 de junho de 2021
Última modificação: 13 de junho de 2021

Autor: Paulo Oliveira
Categorias: Blog, Ferramentas da Qualidade, Gestão de Equipes, Gestão de Projetos

Alguém no seu trabalho já deve ter pedido para você montar uma estratégia.

Mas o que é estratégia? Você sabia que existem 3 níveis de estratégias voltadas para diferentes situações dentro de uma organização?

Neste artigo  examinamos algumas definições comuns de estratégia com intuito ajudar você escolher a melhor para cada cenário. Dessa forma, vamos focar nos três níveis estratégicos, sendo eles  estratégia corporativa, estratégia da unidade de negócios e estratégia da equipe. Além disso veremos algumas das principais ferramentas e modelos associados a cada área. 

Conceito de estratégia

Estratégia no dicionário significa: Meios desenvolvidos para conseguir alguma coisa. Ou seja, planejar formas de conseguir alcançar seus objetivos. Desse modo, como os objetivos variam entre as pessoas e as situações, existem diversos conceitos para estratégia, não havendo uma resposta definitiva para seu significado.

Por exemplo, enquanto algumas pessoas pensam que o futuro é muito difícil de prever, logo preferem desenvolver suas estratégias organicamente. Já outras crêem que você deve analisar o presente com cuidado, antecipar as mudanças em seu mercado ou setor e, a partir disso, planejar como você terá sucesso  no futuro.

Estudos sobre estratégia

A estratégia foi estudada durante anos por líderes empresariais e por teóricos de negócios. Cada um com sua definição e conceito diferente, mas se engana quem acha que algum está errado. Na verdade podemos dizer que todos estão certos, pois são apenas visões diferentes.

Desse modo, ressaltamos duas visões de estratégia diferentes.

Gerry Johnson e Kevan Scholes, autores de ” Exploring Corporate Strategy “

Estes autores têm a visão que a estratégia determina a direção e o escopo de uma organização a longo prazo, e eles dizem que devem determinar como os recursos devem ser configurados para atender às necessidades dos mercados e das partes interessadas (stakeholders).

Michael Porter, especialista em estratégia e professor da Harvard Business School

Neste caso, Michael Porter enfatiza a necessidade da estratégia para definir e comunicar a posição única de uma organização e diz que ela deve determinar como os recursos, habilidades e competências organizacionais devem ser combinados para criar vantagem competitiva.

Conclusão dos estudos

A partir dessas visões pode-se concluir que o planejamento para o sucesso no mercado é importante; e que, para aproveitar ao máximo as oportunidades abertas a elas, as organizações precisam se antecipar e se preparar para o futuro em todos os níveis.

Por exemplo, muitas organizações bem-sucedidas e produtivas têm uma estratégia corporativa para orientar o quadro geral. Cada unidade de negócios dentro da organização tem uma estratégia de unidade de negócios, que seus líderes usam para determinar como irão competir em seus mercados individuais.

Por fim, cada equipe deve ter sua própria estratégia para garantir que suas atividades diárias ajudem a mover a organização na direção certa.

Dessa forma, como cada setor tem seu objetivo aprofundaremos nos níveis de estratégias.

Estratégia corporativa

Estratégia corporativa é hierarquicamente o plano estratégico mais elevado da organização, que define os objetivos e direções globais da empresa e a forma como serão alcançados nas atividades de gestão estratégica.

Ou seja, nos negócios, ela se refere à estratégia geral de uma organização composta por várias unidades de negócios, operando em vários mercados. Dessa forma, ela responde à pergunta: “Como estruturamos o negócio como um todo, de modo que todas as suas partes criem mais valor juntas do que individualmente?”. Pois determina como a corporação como um todo apoia e aumenta o valor das unidades de negócios dentro dela

Implementação deste nível

Uma forma das empresas implementarem este estilo é construindo fortes competências internas, compartilhando tecnologias e recursos entre as unidades de negócios, levantando capital de maneira econômica, desenvolvendo e nutrindo uma marca corporativa forte e assim por diante.

Conclusão

Portanto, neste nível analisamos a forma em que as unidades de negócios dentro da corporação se encaixam. Além de entender como os recursos devem ser empregados para criar o maior valor possível.

Outro fator a ser levado em consideração é o design da sua organização. Pois ela afeta a vantagem competitiva de seu negócio. Dessa forma, você deve ficar atento à Como você estrutura seu negócio, seu pessoal e outros recursos.

Ferramentas

Nestes casos algumas ferramentas que pode te auxiliar são:

Estratégia da Unidade de Negócios

No nível de unidade de negócios as estratégias almejam competir em mercados individuais, sempre abordando a questão: “Como podemos vencer neste mercado?” No entanto, essa estratégia precisa estar vinculada aos objetivos identificados na estratégia de nível corporativo.

Implementação deste nível

Análise competitiva, incluindo coleta de inteligência competitiva, é um excelente ponto de partida para o desenvolvimento de uma estratégia de unidade de negócios. Como parte disso, é importante pensar sobre suas competências essenciais e como você pode usá-los para atender às necessidades de seus clientes da melhor maneira possível. De lá, você pode usar a Análise USP  para entender como fortalecer sua posição competitiva.

Conclusão

A estratégia da sua unidade de negócios provavelmente será o nível de planejamento mais visível em cada área de negócios. As pessoas que trabalham em cada unidade devem ser capazes de estabelecer ligações diretas entre essa estratégia e o trabalho que estão fazendo. Quando as pessoas entendem como podem ajudar sua unidade de negócios a “vencer”, você tem a base para uma força de trabalho altamente produtiva e motivada. Como tal, é importante ter uma definição clara da missão, visão e valores da unidade de negócios.

Ferramentas

Nestes casos algumas ferramentas que pode te auxiliar são:

Observação

Para empresas menores, a estratégia corporativa e da unidade de negócios pode se sobrepor ou ser a mesma coisa. No entanto, se uma organização está competindo em mercados diferentes, cada unidade de negócios precisa pensar sobre sua própria direção estratégica.

No entanto, é importante que a estratégia de cada unidade de negócios esteja alinhada com a estratégia geral da corporação, especialmente onde a marca da corporação é importante.

Estratégia de Equipe

Neste nível você fará o planejamento de sua equipe de tal forma que ele leve diretamente à realização da unidade de negócios e das estratégias corporativas, o que significa que todos os níveis de estratégia se apoiam e se aprimoram para garantir o sucesso da organização.

e book de trabalho em equipe

Ou seja, para executar suas estratégias corporativas e de unidade de negócios com sucesso, você precisa de equipes em toda a organização para trabalharem juntas. Cada uma dessas equipes tem uma contribuição diferente a dar, o que significa que cada equipe precisa ter sua própria estratégia em nível de equipe, por mais simples que seja.

Implementação deste nível

Para implementação deste nível você deve definir o propósito e os limites da equipe usando, por exemplo, um estatuto de equipe; e gerenciá-lo usando técnicas como Gestão por Objetivos e uso de indicadores-chave de desempenho.

Conclusão

Você precisa trabalhar com eficiência para atingir os objetivos estratégicos que foram definidos nos níveis mais altos da organização; portanto, um elemento importante do planejamento de sua equipe é implementar as melhores práticas para ajudar sua equipe a cumprir seus objetivos. Atividades que otimizam a gestão de fornecedores , qualidade e excelência operacional  também são fatores importantes na criação e execução de uma estratégia de equipe eficaz.

Ferramentas

Dessa forma, algumas ferramentas que pode te auxiliar são:

Resumo

Em síntese,  estratégia pode ser difícil de definir, mas uma boa definição é: “Determinar como vamos vencer no período seguinte.” Nos negócios, existem diferentes níveis de estratégia. Cada um deles tem um foco diferente e precisa de ferramentas e habilidades diferentes.

A estratégia corporativa se concentra na organização como um todo, enquanto a estratégia da unidade de negócios se concentra em uma unidade de negócios ou mercado individual. Finalmente, a estratégia da equipe identifica como uma equipe ajudará a organização a cumprir suas metas e objetivos gerais.

Quer se aprofundar mais no sobre estratégias? veja tudo que um Master Black Belt precisa saber sobre o assunto no vídeo a seguir:

Leia mais

 

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *