indicadores de rh
Gestão de Pessoas

13 de outubro de 2023

Última atualização: 13 de outubro de 2023

Indicadores de RH: Os principais e como definir

Os Recursos Humanos são frequentemente considerados o coração de uma organização, impulsionando o desempenho e o bem-estar dos colaboradores. 

Para medir a saúde desse coração organizacional, são necessários indicadores de RH que vão muito além dos processos administrativos. 

Neste blog, exploraremos a importância dos indicadores de RH e como eles podem ser usados para impulsionar o sucesso empresarial.

O que é um Indicador (KPI)?

Antes de entender o que é e quais são os Indicadores de RH, você precisa entender o que é um Indicador (KPI).

Os Indicadores Chave de Desempenho (KPIs) são ferramentas essenciais na gestão de organizações. 

São métricas estrategicamente selecionadas para avaliar o desempenho em relação a objetivos estabelecidos. 

KPIs podem ser quantitativos ou qualitativos e abrangem áreas como finanças, vendas, marketing, operações e muito mais. Sua importância reside na capacidade de oferecer medições objetivas e claras do progresso em direção a metas estratégicas, evitando interpretações subjetivas. 

Além disso, KPIs fornecem uma base sólida para a tomada de decisões informadas, permitindo que líderes identifiquem áreas que requerem atenção ou aprimoramento. Com a capacidade de acompanhar continuamente o desempenho, eles possibilitam a alocação eficiente de recursos e ajustes imediatos quando necessário. 

O que são Indicadores de RH?

Os Indicadores de Recursos Humanos (RH) são métricas críticas que permitem avaliar e gerenciar o desempenho, eficiência e eficácia da força de trabalho de uma organização.

Eles desempenham um papel fundamental na gestão estratégica de recursos humanos. Os indicadores de RH abrangem uma ampla gama de áreas, como recrutamento, treinamento, desempenho, retenção, diversidade e inclusão, entre outras.

Esses indicadores desempenham um papel crucial na gestão de RH, fornecendo informações valiosas que auxiliam na tomada de decisões informadas. 

Eles incluem métricas quantitativas, como taxa de rotatividade, custo de contratação, índice de satisfação dos funcionários, tempo médio de treinamento e muito mais. 

Além disso, podem incluir indicadores qualitativos, como avaliações de desempenho e feedback dos funcionários.

A importância dos indicadores de RH reside na capacidade de avaliar o desempenho da força de trabalho em relação aos objetivos organizacionais. 

Eles permitem que os departamentos de RH identifiquem áreas que necessitam de melhorias e aloquem recursos de maneira mais eficaz. 

Além disso, esses indicadores facilitam o acompanhamento contínuo do progresso, permitindo ajustes quando necessário.

Em resumo, os indicadores de RH são ferramentas essenciais para avaliar e aprimorar o desempenho da força de trabalho, contribuindo para o sucesso organizacional e a tomada de decisões informadas em relação à gestão de pessoal.

ebook introdução gestão de pessoas

Quais são os Indicadores de RH?

Turnover

turnover refere-se à taxa de rotatividade de funcionários em uma empresa durante um período específico. 

Isso significa a entrada e saída de colaboradores dentro da organização, geralmente calculada como uma porcentagem em relação ao número médio de funcionários durante o mesmo período.

O turnover pode ser de três tipos: voluntário, quando os funcionários saem por escolha própria; involuntário, quando a empresa toma a decisão de encerrar o contrato de trabalho; e funcional, uma variação do turnover involuntário em que o funcionário é realocado para outra função. 

O turnover pode ser causado por diversos fatores, como insatisfação no trabalho, busca por melhores oportunidades ou mudanças na empresa, e suas consequências podem afetar significativamente a organização, seja de forma positiva ou negativa.

Veja como se calcula o Turnover:

O cálculo do turnover, que mede a taxa de rotatividade de funcionários em uma empresa, é uma fórmula relativamente simples. Você pode calculá-lo usando a seguinte fórmula:

turnover
  • Número de Funcionários que Saíram: Isso se refere ao número de funcionários que deixaram a empresa durante um período específico. Isso pode incluir demissões, renúncias voluntárias, aposentadorias e qualquer outra forma de término do vínculo empregatício.
  • Número Médio de Funcionários durante o Período: Este é o número médio de funcionários que a empresa tinha durante o mesmo período em que você calculou o número de saídas. Você pode obter esse número somando o número de funcionários no início do período e o número de funcionários no final do período e dividindo por 2.

HeadCount

headcount é uma métrica fundamental que se refere à contagem total de funcionários de uma organização em um ponto específico no tempo. 

Essencialmente, é uma forma de quantificar e acompanhar o tamanho da força de trabalho de uma empresa em um dado momento. 

Este número inclui todos os tipos de funcionários que compõem a equipe da empresa, sejam eles em período integral, meio período, temporários ou terceirizados, desde que estejam ativos e vinculados à organização naquele momento.

O headcount desempenha um papel crucial na gestão de recursos humanos e na tomada de decisões estratégicas. 

É uma métrica valiosa para diversas situações, tais como planejamento de recursos, conformidade legal e avaliação de tendências de emprego.

Absenteísmo

absenteísmo é usado para descrever a frequência com que os funcionários de uma organização estão ausentes do trabalho devido a razões diversas, como doença, licenças, faltas não justificadas, férias, entre outros motivos. 

É uma métrica importante para avaliar a presença e a produtividade da força de trabalho.

O absenteísmo é calculado geralmente como uma porcentagem do total de dias de trabalho que os funcionários perderam em relação ao número total de dias programados. 

Esse cálculo ajuda as empresas a compreender a extensão do problema e a identificar tendências. 

taxa de absenteísmo

Por exemplo, se uma empresa teve uma taxa de absenteísmo de 5% durante um ano, isso significa que, em média, seus funcionários perderam 5% dos dias de trabalho programados devido a ausências.

O absenteísmo pode ser causado por uma variedade de fatores, como doenças, estresse, insatisfação no trabalho, problemas familiares ou falta de motivação. 

É importante para as empresas monitorar o absenteísmo, pois ele pode ter um impacto negativo na produtividade e no moral da equipe, além de resultar em custos adicionais, como a necessidade de contratar funcionários temporários para cobrir as ausências. 

Portanto, gerenciar e reduzir o absenteísmo é essencial para manter uma força de trabalho saudável e produtiva.

Diversidade e Inclusão nas Empresas

diversidade e a inclusão nas empresas surgem como indicadores essenciais para a gestão de RH, representando muito mais do que meras considerações sociais. 

Neste contexto, é crucial compreender o papel central que esses elementos desempenham e sua influência nos resultados organizacionais.

Diversidade no ambiente de trabalho refere-se à presença de uma variedade de grupos e características, como gênero, raça, etnia, idade, orientação sexual e deficiência, entre outros. 

A inclusão, por sua vez, trata-se de assegurar que todos os colaboradores se sintam valorizados, respeitados e envolvidos, independentemente de suas diferenças.

Avaliações de Desempenho

avaliação de desempenho nas empresas, quando utilizada como um indicador de Recursos Humanos, é um processo sistemático que envolve a análise e a avaliação das ações e resultados dos funcionários em relação às metas e expectativas estabelecidas

Ela serve como um Indicador de RH pois permite avaliar o grau de eficiência das práticas de gerenciamento de pessoas.

Essa avaliação visa a medir a eficácia das estratégias de RH, identificar pontos fortes e fracos dos colaboradores, fornecer feedback construtivo e base para tomada de decisões relacionadas a promoções, treinamentos, recompensas e desenvolvimento de carreira. 

ROI (Retorno sobre investimento)

ROI (Return on Investment), ou Retorno sobre Investimento, quando usado como indicador de Recursos Humanos, é uma métrica fundamental que avalia o valor gerado pelos investimentos em capital humano. 

O ROI permite medir a eficiência e a eficácia das estratégias e iniciativas de RH, mostrando o quanto a organização obtém em retorno em relação aos recursos investidos em recrutamento, treinamento, desenvolvimento e retenção de talentos.

Esse indicador de RH é essencial para determinar se os investimentos em gestão de pessoas estão contribuindo de maneira positiva para os objetivos e metas da organização. O ROI ajuda a identificar quais práticas de RH estão gerando os melhores resultados e quais precisam ser ajustadas. 

Além disso, ele é valioso na tomada de decisões sobre a alocação de recursos e investimentos futuros em capital humano.

Tempo Médio de Contratação

O Tempo Médio de Contratação é um indicador de RH que avalia o período de tempo necessário para preencher uma vaga em aberto na organização. 

Este indicador mede a eficiência do processo de recrutamento e seleção, fornecendo informações valiosas sobre a velocidade com que a empresa consegue trazer novos talentos para suas equipes.

A fórmula para calcular o Tempo Médio de Contratação é relativamente simples:

tempo médio de contratação

Essa métrica permite à empresa avaliar a eficiência do processo de contratação, identificar possíveis gargalos e tomar medidas para otimizá-lo. 

Um tempo médio de contratação curto pode ser um sinal de eficiência no recrutamento, mas também pode indicar falta de rigor na avaliação dos candidatos. 

Por outro lado, um tempo muito longo pode afetar a continuidade operacional e a produtividade.

Ao monitorar o Tempo Médio de Contratação, as organizações podem tomar medidas para melhorar a eficiência do processo de recrutamento e seleção, reduzindo custos e garantindo que as vagas em aberto sejam preenchidas com rapidez e eficácia.

Clima Organizacional

O ambiente de trabalho em si também é importante ser avaliado, afinal, é lá que exercemos nossas atividades diárias.

clima organizacional é um Indicador de RH crítico que avalia o ambiente de trabalho, a cultura da empresa e o nível de satisfação dos funcionários. Este indicador quantifica aspectos subjetivos do ambiente de trabalho e ajuda a determinar a qualidade das relações entre os colaboradores e a empresa.

A avaliação do clima organizacional envolve a coleta de dados por meio de pesquisas, entrevistas ou questionários, nos quais os funcionários compartilham suas percepções sobre o ambiente de trabalho, comunicação interna, relações interpessoais, liderança, oportunidades de crescimento, entre outros fatores. Os resultados são analisados para medir a satisfação e o engajamento dos funcionários.

Por que Indicadores de RH são importantes?

Os indicadores de RH são cruciais, pois permitem avaliar o desempenho do RH, tomar decisões embasadas em dados, identificar problemas e oportunidades, medir o impacto das políticas de RH, alinhar as ações com os objetivos da organização, calcular o retorno sobre o investimento e adotar melhores práticas do setor. 

Indicadores de RH são essenciais para medir o desempenho do departamento de Recursos Humanos e seu impacto nos resultados da organização. 

Quando usados efetivamente, eles podem direcionar decisões estratégicas, otimizar processos e contribuir para a retenção e atração de talentos.

Lembre-se de que, assim como o coração é vital para o corpo humano, os indicadores de RH são vitais para uma organização saudável e bem-sucedida.

Leia Mais:

Alexandre Queiroz

Alexandre Queiroz

Alexandre Mazzini, aluno da UNICAMP em Tec. Controle Ambiental. Especialização em Mídias Sociais e SEO, atua no setor de marketing da FM2S como redator para conteúdo web e analista SEO para blogs.