Prova de Conceito (PoC): O que é e como utilizá-la?

prova de conceito POC - FM2S BLOG
15 de dezembro de 2020
Última modificação: 15 de dezembro de 2020

Autor: Guilherme Mendes
Categorias: Blog, Gestão de Projetos

PoCProof of Concept, ou Prova de Conceito, é uma ferramenta bastante útil na fase laboratorial de uma nova produção. Seu modelo de aplicação prática, visa provar a viabilidade e efetividade de um conceito, seja ele fruto de pesquisa ou variação de algo já ofertado pela organização. Confira nesse artigo o significado da ferramenta, onde utilizá-la e como estruturá-la de maneira adequada e efetiva.

O que é PoC – Proof of Concept?

PoC é uma sigla inglesa para a ferramenta Proof of Concept, ou Prova de Conceito em português. 

Esta é uma ferramenta utilizada ainda na fase laboratorial de um projeto, e tem por objetivo principal a garantia de que o conceito idealizado no papel reflita no melhor resultado final em forma de produto ou serviço.

A PoC também serve para garantir a empresa que há viabilidade econômica na produção da nova ideia, bem como confirmar sua pertinência e utilidade ao público consumidor.

No entanto, é necessário ressaltar que a PoC, diferentemente do protótipo, não tem por proposta a entrega de uma “versão do produto” conceituado. Mas sim, o teste de sua viabilidade sob a ótica de uma nova técnica ou sistema sugerido pela equipe de planejamento.

Na verdade, os testes de uma Prova de Conceito antecedem a etapa de prototipagem. Servindo como fator determinante para a tomada de decisão.

Além disso, a prática de uma Prova de Conceito tem perfil ágil, isolado e em pequena escala, onde a empresa pode manejar recursos pontualmente para mapear e garantir que uma proposta valerá os esforços.

Onde usar?

A PoC é, sem dúvidas, uma ferramenta primorosa quando se trata de reduzir gastos e riscos para uma organização. Use seu formato de testes isolados e em pequena escala, para avaliar variáveis e assegurar-se de que chegará a melhor decisão.

Em suma, a Prova de Conceito pode ser usada em diferentes empresas e em diferentes etapas e departamentos. Sua adaptabilidade possibilita que você a aplique a frentes como, por exemplo: 

Design de Produtos: Crie Provas de Conceito como primeiro passo para garantir e verificar que a proposta idealizada no papel, irá se adaptar a produção. Considere sua viabilidade e condições de uso;

Gestão da Qualidade Total: Integre Provas de Conceito a sua gestão de qualidade total, para gerar um maior entendimento do produto que chega às mãos do cliente. Assim, o produto ofertado pode atender aos melhores formatos produtivos da empresa, ao passo que também garante a satisfação do consumidor;

Gestão de Pessoas: A PoC integra e expande a consciência de participação dos colaboradores. Use-a como uma ferramenta que orientará a equipe através dessa integração. Além disso, o uso adequado da PoC garante que melhores estratégias de gestão pessoal sejam aplicadas e, de fato, notadas;

Segurança da informação: Use a Prova de Conceito em sua organização (principalmente se for do setor de tecnologia) para testar hipóteses de proteção de dados internos e dos clientes, de forma segura e eficiente.

Qual a importância da PoC?

Independentemente do setor, toda inovação é fruto de uma teoria. Ou seja, um conceito inicial ou a respeito de algo presente e que dispõe de ainda mais potencial se trabalhado adequadamente.

A maior importância da Prova de Conceito é fruto justamente dessa oportunidade. Afinal, a PoC nos apresenta uma forma de, através de testes, assegurar que o produto ou serviço idealizado seja útil e viável.

Além disso, o fato de que as principais criações da empresa passam por essa etapa laboratorial, gera valor à organização. Afinal, há a garantia de que tudo o que foi ofertado ao consumidor, passou por testes de conceito executados de maneira estratégica.

Execute a PoC, mesmo que em produtos ou serviços isolados e com pequenos investimentos. Assim, você assegura boas expectativas e aumenta a possibilidade dos resultados do projeto serem satisfatórios e frequentes.

Principais benefícios

  • Fuja do achismo: A Prova de Conceito te mune de dados e informações sólidas. Isso o blinda de intuição e hipóteses falhas, o que facilita, por exemplo, a condução do projeto e garante a gestão um trabalho com maiores certezas;
  • Previsibilidade: Aumente a previsibilidade e identificação de possíveis falhas – e também insights – antes de que o projeto entre em produção;
  • Reduz desperdícios: Realizar a PoC ajuda a organização a estipular exatamente a quantia  de insumos e esforços para que a execução operacional seja plena e satisfatória;
  • Facilita negociação: Ter a prova da efetividade e usabilidade de um projeto em mãos, lhe dá maior poder argumentativo, facilitando sua negociação e busca de investimentos;
  • Motivação: Engaje a equipe a praticar provas de conceito, assim os envolvidos enxergarão seus trabalhos e impacto no projeto com outros olhos. Isso otimiza o produto, motiva os envolvidos e agrega valor ao usuário;
  • Aumente a satisfação do cliente: Como dito, um produto que é trabalhado com diferentes pontos de vista se fundamenta em pontos importantes para um consumidor. Use isso para melhor acompanhar a satisfação do cliente e garanta que a estabilidade e crescimento seja alta.

Como estruturar uma Prova de Conceito (PoC)?

Quer adicionar essa ferramenta a seu repertório e ajudar sua organização? Então siga esses cinco passos que irão te ajudar a melhor estruturar uma PoC. Confira: 

Mapeie os objetivos: 

O gestor do projeto, ou responsável direto, deve mapear os objetivos e motivos para a realização da PoC. 

Isso é importante não só para documentar o resultado que se espera, mas também garantir, de forma clara, que todas as etapas cumpram sua responsabilidade e que a final – de análise e monitoramento – consiga verificar o resultado da PoC em paralelo com o que foi definido aqui.

Envolva e estimule a equipe:

Uma importante premissa da PoC é envolver a equipe e estimulá-la a abordar o projeto de diferentes ângulos. Portanto, não suponha que o líder irá assumir as decisões e responsabilidades sozinho. 

Garanta, de forma democrática, que as opiniões dos envolvidos sejam consideradas. Uma dica é realizar um brainstorming a fim de coletar insights sobre as funcionalidades e pertinência da ideia em debate.

Defina as responsabilidades:

Com o objetivo mapeado e as ideias na mesa, estabeleça as responsabilidades e impacto de cada profissional envolvido no projeto. Use essa etapa para assegurar que o melhor resultado será obtido. Portanto, considere de maneira precisa a expertise de cada um e, se preciso, estimule a cooperação contínua.

Use fluxogramas para clarear a trilha do processo, por exemplo. Outra possibilidade é a aplicação do SCRUM.

Conheça nosso Curso de Especialista SCRUM! Um framework simples e iterativo que possibilita um processo de gestão de qualquer tipo projeto. Clique no banner e saiba mais:

Responda as dúvidas:

O responsável do projeto deve se manter acessível o tempo todo para esclarecer dúvidas. Um fluxograma não vai adiantar se não houver comunicação sobre o andamento das etapas e suas prováveis dificuldades. 

Uma PoC adequada depende do alinhamento entre líder e colaboradores envolvidos na produção. Mantenha uma comunicação efetiva e aberta a todos.

Monitore e analise os resultados:

Monitore, junto a equipe, os esforços que fizeram a produção chegar a essa etapa. Revise seus objetivos iniciais e análise de a proposta conceitual se provou verdadeira e viável, se foi falsa ou de resultado inconclusivo.

Lembre-se de se nortear pelos dados e impacto nos recursos da empresa, bem como na satisfação positiva ou negativa do cliente.

Gostou desse conteúdo? Então confira outros artigos interessantes

Quer continuar aprendendo ainda mais? Torne-se um Assinante FM2S e trilhe uma trajetória de sucesso profissional. Com a Assinatura você tem acesso, durante um ano, a todo o acervo de cursos, certificações, materiais e conteúdos FM2S. Tudo isso através da nossa Plataforma EaD, que conta com professores referência nos assuntos e uma linguagem simples! Clique no banner e conheça:

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 − dois =