Dia do Consumidor 2020: Qual é a história por trás?

16 de março de 2020
Última modificação: 16 de março de 2020

Autor: Paula Louzada
Categorias: Blog, Sem categoria

Explicando o 15 de março

Para aumentar a conscientização global sobre os direitos e necessidades dos consumidores, em todo o mundo o dia 15 de março é comemorado como o Dia Mundial do Consumidor. Assim, o Dia Mundial do Consumidor visa proteger os consumidores em todo o mundo contra abusos de mercado. Já que exige igualdade para os consumidores, todos os seus direitos são importantes e devem ser respeitados e protegidos. Nesse contexto, portanto, o primeiro movimento de consumidores do mundo foi em 1983, nos Estados Unidos.

15 de março – Dia Mundial dos Direitos do Consumidor

Em 15 de março de 1962, o presidente dos Estados Unidos, John F. Kennedy, discursou no Congresso dos Estados Unidos sobre os quatro direitos básicos do consumidor, posteriormente denominados Declaração de Direitos do Consumidor. Nessa ocasião, o Presidente Kennedy disse: “Os consumidores incluem todos nós. Eles são o maior grupo econômico que afeta e é afetado por quase todas as decisões econômicas públicas e privadas. No entanto, eles são o único grupo importante cujas opiniões muitas vezes não são ouvidas.” Ele foi o primeiro líder mundial a tratar dos direitos do consumidor. A partir daí, definiu que os quatro direitos originais do consumidor são:

  • À segurança;
  • De ser informado;
  • Escolher;
  • Ser ouvido.

Em 1985, as Nações Unidas, por meio das Diretrizes das Nações Unidas para a Proteção do Consumidor, ampliam os direitos do consumidor para incluir mais quatro. Confira a que benefícios você, como consumidor, tem direito:

  • Satisfação de necessidades básicas;
  • Reparar;
  • Educação do consumidor;
  • Um ambiente saudável.

Além disso, todos os anos, a ONG Consumers International anuncia o tema para o Dia do Consumidor. Conheça o tema de 2020!

O consumidor sustentável

A campanha de direitos do consumidor deste ano enfatiza a necessidade de consumo sustentável em todo o mundo. Além disso, também destaca o importante papel que os direitos e a proteção do consumidor podem desempenhar para promover mercados saudáveis. O tema deste ano é solidário aos ativistas da mudança climática, para promover um mercado sustentável com intuito de reduzir o impacto da mudança climática para as futuras gerações. A Consumer International apresentou cinco tendências notáveis ​​para o consumo sustentável, sendo elas:

  • Demanda do consumidor por mais informações sobre sustentabilidade;
  • Mobilidade sustentável e compartilhamento de viagens;
  • Moda sustentável;
  • Busca por embalagens sustentáveis ​;
  • Produtos de construção para a conscientização da obsolescência programada.

O problema que envolve o Dia do Consumidor

Mais de trinta anos atrás, a Consumers International começou a marcar 15 de março como o Dia Mundial dos Direitos do Consumidor e, desde então, a data é comemorada em todo o mundo como um lembrete para os países observarem e aplicarem os direitos e necessidades dos consumidores.

Em julho de 2017, os ministérios e agências nacionais de proteção ao consumidor chegaram a um acordo histórico sobre uma proposta para as Nações Unidas (ONU) de tornar a Semana Mundial de Proteção ao Consumidor uma observância oficial da ONU. Esse reconhecimento da ONU seria um passo importante para enfrentar o desafio que o Presidente Kennedy estabeleceu há mais de 50 anos.

Muitos consumidores ainda enfrentam desafios reais em suas vidas cotidianas, incluindo falta de acesso ou bens e serviços inseguros e práticas desleais. Aumentar a conscientização sobre tais direitos em meio ao povo, empresas e governos é um passo importante para ajudar a implementar a proteção do consumidor.

A responsabilidade da ONU

Dessa forma, acredita-se, o reconhecimento oficial das Nações Unidas da Semana Mundial de Proteção ao Consumidor pode desempenhar um papel crucial, ajudando a colocar os direitos do consumidor no mapa de ainda mais organizações, governos, empresas e meios de comunicação. Assim também se ajudará a aumentar a conscientização, envolvendo mais pessoas, em mais atividades e mais países.

Estabelecido como um evento verdadeiramente internacional, portanto, o Dia Mundial dos Direitos do Consumidor aumenta a conscientização sobre os direitos existentes e ilumina áreas em que não há a proteção adequada. Confira os temas dos anos anteriores referentes à data:

  • Direitos básicos;
  • Comida segura;
  • Digital;
  • Organismos Geneticamente Modificados (OGM);
  • Comércio;
  • Utilidades públicas;
  • Dietas saudáveis;
  • Serviços financeiros;
  • Direitos relacionados à telefonia.

Avançando na excelência de Proteção Global de Consumidores

Faz mais de 50 anos que o presidente John F Kennedy articulou o conceito de Direitos do Consumidor em sua mensagem histórica ao congresso dos EUA. No entanto, em muitos países, o objetivo de realizar esses direitos ainda está muito distante. É por isso que se está trabalhando duro para garantir que essas medidas de proteção estejam em vigor em todo o mundo.

Objetivo do Dia do Consumidor

O Dia Mundial dos Direitos do Consumidor é um evento internacional anual que significa celebração e solidariedade no movimento internacional de consumidores, exigindo respeito e proteção a seus direitos. Assim, o evento também oferece uma chance de protestar contra os abusos do mercado e as injustiças sociais que comprometem esses direitos.

Tema para 2020

A cada ano, o Dia Mundial dos Direitos do Consumidor adota um tema a destacar. Este ano, o tema promovido é “O Consumidor Sustentável”.

Afinal, não é novidade para ninguém que precisamos urgentemente de ações drásticas para lidar com as crises globais de mudanças climáticas e perda de biodiversidade. Até porque a década de 2020 é nossa última chance de limitar o aquecimento global a 1,5 graus celsius desde os tempos pré-industriais, em conformidade com o Acordo de Paris, e reverter a tendência atual de perda de biodiversidade em larga escala.

Quando olhamos para o nosso consumo global em números, recebemos um lembrete da tarefa que temos pela frente. Em todo o mundo, quase um milhão de garrafas plásticas são vendidas a cada minuto e cinco trilhões de objetos de plástico estão flutuando em nossos oceanos. Além disso, compramos mais de 80 bilhões de novos itens de vestuário por ano e consumimos 3,9 bilhões de toneladas de alimentos – um terço dos quais é perdido ou desperdiçado.

O Dia do Consumidor e o Futuro

Dito isso, para proteger o planeta e proporcionar condições sociais justas para as gerações atuais e futuras, precisamos pensar na maneira como produzimos e consumimos bens e serviços. Afinal o objetivo do consumo sustentável é aumentar a eficiência dos recursos e o comércio justo, ajudando a aliviar a pobreza e permitir que todos desfrutem de boa qualidade de vida com acesso a alimentos, água, energia, medicamentos e o que mais for fundamental ao cidadão.

Levando em conta todas essas questões, a FM2S preparou condições pra lá de especiais para você!

Neste mês do consumidor, você tem 15% de desconto na Assinatura FM2S!

Tenha acesso a dezenas de cursos e desenvolva seu conhecimento do seu jeito!

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *