Como fazer Home Office quando você tem filhos? Veja agora

home office
19 de março de 2020
Última modificação: 19 de março de 2020

Autor: Paula Louzada
Categorias: Blog

Home Office? Esse é o seu momento!

Em questão de semanas, o coronavírus virou o mundo do trabalho de ponta cabeça. Como as empresas – e com muita razão – priorizam a segurança de suas comunidades. Assim, o home office vem ganhando cada vez mais espaço, enquanto muitos eventos e reuniões vão sendo cancelados. Isso deixa as pessoas procurando maneiras de permanecer conectado. Considerando esse novo cenário, emerge a necessidade de criar novas experiências virtuais para interagir com seus clientes e sua equipe.

Dessa forma, neste blog serão abordadas alternativas para a manutenção de seu trabalho – como o home office. Acerca deste, portanto, abordaremos seus desafios e benefícios, além de te ajudar a tirar o melhor dessa oportunidade.

Finalmente você tem a chance de trabalhar à distância! Talvez seja devido à estrutura do seu novo emprego ou organização; talvez faça parte dessa nova iniciativa corporativa de trabalho / vida; ou talvez seja o resultado de uma emergência na saúde pública. De qualquer forma, você realizou uma conquista com que muita gente sonha (menos se considerando que está havendo uma pandemia…). Sem deslocamento, sem distrações no escritório, ninguém prestando atenção no que você está fazendo. Apenas você, num lugar confortável em casa, e a oportunidade de passar mais tempo com seus filhos.

Agora vem a parte difícil

Confira dicas para um Home Office de sucesso

Para muitos pais que trabalham, assim como para as organizações que os empregam, o home office é uma alternativa bastante interessante para aumentar o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal; produtividade e retenção. Por isso, provavelmente, tornou-se parte intrínseca da vida profissional moderna – e por uma boa razão: os benefícios que o home office cria, tanto na empresa quanto no nível pessoal, são muitos e claros.

Esses benefícios, no entanto, ocorrem proporcionalmente aos novos desafios – principalmente no nível pessoal. Como você permanece na pele de um líder sênior quando não está fisicamente no escritório? E mantém relações construtivas com a equipe, se vocês não estão se vendo? Como evitar as distrações e interrupções que podem comprometer o seu desempenho?

Os pais que trabalham em casa sabem que é necessário mais do que um “escritório doméstico para que o trabalho funcione para todos os lados. É preciso esforço consciente e algumas táticas específicas e eficazes – que você pode começar a usar hoje.

Mantenha uma rotina firme

Após anos de vida no escritório, trabalhar remotamente pode parecer maravilhosamente flexível: chegue à sua mesa às 9:30 da manhã de pijama! Alimente o bebê enquanto estiver na teleconferência! Mas essa mesma falta de limites tradicionais no local de trabalho tem o potencial de diminuir sua motivação e produtividade.

Use os atributos do home office de forma que você possa aproveitar melhor sua liberdade, mas mantenha a programação e seus hábitos firmes, também. Comece a trabalhar na mesma hora todos os dias. Aja de forma que você se sinta objetivo e confiante. Tenha pausas e “saidinhas” com as mesmas duração e frequência que no escritório. Com uma rotina, você maximizará a sensação profissionalismo e manterá melhor as coisas sob controle.

Demonstre seu compromisso

O que seus colegas não podem ver, eles não podem apreciar. Ao fazer home office, tenha cuidado para fornecer sinais pequenos e claros de que seu compromisso e ética no trabalho são inabaláveis. Para tanto, confira essas principais dicas:

  • Envie e-mails logo de manhã, como forma de anunciar que você já está pronto para o trabalho;
  • Comunique-se com os colegas de forma que você demonstre atenção ao que eles fizeram / te enviaram. Veja um exemplo: “João, obrigado pelo relatório – os dados na página 6 serão muito úteis para a nossa revisão trimestral”;
  • Esteja disponível bem cedo ou tarde da noite, como forma de oferecer suporte para colegas de trabalho atuando em outros fusos horários.

Essas pequenas táticas permitem que você pareça atento, comprometido e trabalhador – bons atributos em qualquer nível.

Controle o que for controlável

Preste atenção no seu ambiente físico de trabalho: organize-o da forma que fique mais parecida possível com um local de trabalho – e, consequentemente, que você assuma uma imagem e postura mais profissional. Nessa mesma direção, encontre uma maneira de garantir a privacidade durante ligações – mesmo que isso signifique trancar a porta para o seu filho não entrar.

Além disso, crie um cenário profissional para vídeo chamadas, para que ninguém veja o amontoado de brinquedos no chão e toda a bagunça dos seus filhos enquanto você discute o relatório de marketing trimestral. No fim das contas, assumir o controle dessa pequena logística aprimora seu ambiente de trabalho e sua imagem profissional.

Faça uma auditoria de tecnologia

O uso inteligente da tecnologia pode maximizar sua eficiência e sua conexão com os colegas. Se a sua impressora de casa não é tão rápida quanto a da sede, ou se você está enviando e-mail e ligando, enquanto o resto da equipe está usando Slack, você está perdendo uma grande oportunidade. Assim, faça parceria com a equipe de TI para ajudá-lo a encontrar e começar a usar as melhores ferramentas tecnológicas disponíveis. Afinal, se você não conhece os melhores aplicativos para manter contato e “acompanhar o fluxo” da sua empresa, setor ou função, corra atrás disso o quanto antes.

Separe 10% do seu tempo para investir em relacionamentos

Em um ambiente padrão de escritório, os relacionamentos ocorrem organicamente – através de conversas na hora do café, no corredor, ou no horário almoço. Mas quando você estiver trabalhando em casa, precisará criar essas “oportunidades de conexão”. Ligue para um colega para perguntar como anda seu trabalho, envie um e-mail para o estagiário perguntando como foi sua grande apresentação. Afinal, garantir que você tenha pontos de contato informais regulares com todos da equipe – e em toda a organização – vai facilitar bastante as coisas a longo prazo.

Venda a ideia do Home Office pro seu chefe

Na maioria das organizações, o home office é visto como um benefício para os funcionários. Portanto, é sempre uma boa ideia compartilhar os benefícios que essa rotina, consequentemente, traz para o chefe e para a organização em troca. Portanto, forneça ao seu gerente lembretes positivos e regulares sobre o motivo pelo qual sua organização no trabalho à distância está funcionando. Por exemplo: “Trabalhar em casa me permitiu dedicar mais tempo ao trabalho do cliente, minha taxa de vendas por distribuidores aumentou 10% este ano – e o fato de a empresa fornecer essa flexibilidade me faz querer permanecer nessa equipe por muito mais tempo.”

Explique a situação para os seus filhos

As crianças naturalmente têm dificuldade em entender o mundo do trabalho – em que consiste, o que exige e o que significa. Mas mesmo crianças muito pequenas podem ouvir que “mamãe trabalha duro a semana toda no escritório porque eu gosto e porque me permite ganhar dinheiro para cuidar de nossa família. Às sextas-feiras, ainda trabalho, mas em casa para poder levá-lo à escola e fazer coisas divertidas juntos.” Com essa comunicação, você transmite os valores do trabalho duro e da responsabilidade – enquanto mostra seu compromisso e seu amor.

Conclusão: tirando um bom proveito do Home Office

No final das contas, fazer home office requer diferentes habilidades profissionais. Como qualquer outra habilidade profissional – como falar em público, negociações ou análises financeiras – ela é construída ao longo do tempo e através da experiência. Portanto exige reflexão pessoal, desejo de melhoria contínua e muito trabalho duro. E, para qualquer pai que trabalha e que deseja aumentar seu desempenho organizacional, ter sucesso no trabalho e criar filhos incríveis, esta é uma habilidade que vale a pena desenvolver.

Deixe seu comentário

um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.