Avaliação de Desempenho
Gestão de Equipes

20 de maio de 2022

Última atualização: 24 de outubro de 2023

Avaliação de desempenho: qual sua importância?

A Avaliação de Desempenho é uma ferramenta que analisa cada colaborador pelo seu poder de entrega e fortalece o autoconhecimento, verificando seu desempenho coletivo e individual. 

Esse procedimento é primordial para o desenvolvimento dos funcionários e para tomar decisões. Porém, esta avaliação ainda serve para analisar a entrega dos colaboradores, conferindo se tudo está como planejado. Portanto, falaremos um pouco mais sobre a avaliação de desempenho.

Comunicação Assertiva Ebook

O que é a Avaliação de Desempenho? 

A avaliação de desempenho se refere à revisão diária da performance dos funcionários no trabalho e da colaboração geral para as empresas. Conhecida também como revisão anual, ou avaliação de funcionários, uma Avaliação de Desempenho analisa as capacidades, conquistas e evolução de um colaborador. As organizações utilizam as avaliações para entregar um feedback geral ao funcionário sobre seu trabalho, e dentre outras questões. Elas podem ser feitos a qualquer momento, mas tendem a ser semestrais, trimestrais ou anuais. 

Quais são os 12 tipos de Avaliação de Desempenho mais usadas pelas organizações?

Dentre alguns, o mais utilizados pelas organizações são:

1. Nine Box

Essa avaliação de desempenho é realizada, atualmente, pelas organizações que procuram o desenvolvimento de sucessões, assim como organizar melhor as alterações realizadas no quadro de funcionários. Ela é importante para possibilitar ter uma melhor gestão de pessoas, quando sua empresa precisar contratar novos profissionais, fazer substituições de pessoas promovidas ou até mesmo reconhecer e formar novos líderes.

2. Assessment

Assessment é um processo de avaliação que mede o desempenho, habilidades, conhecimentos ou características em relação a critérios específicos. É usado em áreas como educação, recrutamento, avaliação de desempenho e gestão de riscos.

3. Autoavaliação

Um dos principais tipos de avaliação de desempenho é a autoavaliação. Ela é feita em duas etapas. Na primeira etapa, o funcionário responderá a um questionário, a fim de pensar sobre seu próprio desempenho, reconhecendo seus pontos fortes e fracos. Após isso, o gerente discutirá com ele sobre o que poderá ser feito para melhorar sua performance.

4. Avaliação de desempenho da equipe

Analisar os profissionais individualmente é fundamental, pois cada um possui suas particularidades, que determinam seu potencial. Porém, é importante que você ainda realize uma avaliação de desempenho da equipe toda, pois a soma de todas as dedicações, é um dos principais motivos por trás de ótimos resultados.

5. Avaliação de desempenho 90º

O modelo 90º é conhecido por ser uma avaliação de desempenho simples e direta, onde os líderes avaliam seus próprios funcionários. Ele é tido como uma opção ideal para avaliar um colaborador que ocupa algum cargo mais baixo. Pois, geralmente fazem suas atividades em contato direto com a chefia. Dessa maneira, a avaliação é mais completa e intensa.

6. Avaliação de desempenho 180º

Conhecido por ser tradicional, essa análise procura observar o desempenho individual dos funcionários por seus gestores diretos, que acompanham de perto suas rotinas e atividades. Dentre suas vantagens, podemos citar a garantia da padronização nos critérios de análise, o que permite que qualquer um seja avaliado sobre os mesmos tópicos. 

7. Avaliação de desempenho 360º

A avaliação 360º é um método eficiente, voltado para apontar e verificar qual a percepção que os indivíduos ao redor de um profissional possuem dele. Seu intuito é promover o desenvolvimento contínuo dos funcionários, que são parte de uma organização. Especialmente, daqueles que estão ocupando cargos de gestão, por meio de feedbacks pontuais, feitos através de algum questionário respondido por pares, superiores, funcionários, fornecedores e até mesmo por clientes externos e internos.

8. Avaliação por competências

Esse modelo de análise divide-se em duas partes, sendo a primeira voltada para a área comportamental do funcionário. Isto é, está ligada ao compromisso, proatividade, como ele faz o trabalho em equipe, assim como a maneira que desenvolve e valoriza suas relações dentro da empresa. A segunda parte dessa avaliação de desempenho é voltada para a técnica, que pode variar segundo o cargo e a função do funcionário. Isto é, ela fundamenta-se na atividade feita na organização.

9. Avaliação por objetivos

Este modo de avaliação de desempenho, possui uma visão quantitativa. São classificados os resultados atingidos pelo colaborador em um certo período. O objetivo é reconhecer se o subordinado analisado conseguiu atender às expectativas da empresa. Por basear-se em números, essa análise é mais assertiva e segura.

10. Escala gráfica

Na metodologia de escala de classificação gráfica, você gera uma tabela em colunas organizadas dessa maneira: Na primeira coluna, coloque as variáveis que serão analisadas. Agora nas colunas posteriores, coloque os valores de cada variável. Essa avaliação possui como principal benefício o fato de a escala de classificação gráfica poder ser facilmente feita. Contudo, é limitada e não possibilita avaliar com mais profundidade. Por essa razão, esta escala normalmente é utilizada conjuntamente com outras metodologias, como a classificação de 360º graus.

11. Avaliação de desempenho da gestão

Os feedbacks são importantes para qualquer colaborador, inclusive, o líder. Então, a avaliação de desempenho da gestão é imprescindível. Características como viabilidade dos recursos necessários, a clareza de planejamento e a qualidade da comunicação e do acesso são abordados nesse modelo. 

12. Avaliação da liderança

Bem como os colaboradores, o líder também deve ser avaliado. O líder é responsável por orientar suas equipes para o sucesso. Quando eles possuem um mau desempenho, normalmente isso também se refletirá em seus subordinados. Portanto, o líder ainda precisa passar por uma avaliação de desempenho e receber feedbacks sobre sua performance. Diante disso, a avaliação é baseada tanto em seus funcionários, quanto em seus superiores, permitindo uma visão total de seu desempenho.

Quais são os principais objetivos da avaliação de desempenho?

A avaliação de desempenho é feita com a finalidade de medir os resultados do desempenho de um profissional ou de uma equipe dentro de empresas. Nesse sentido, avalia-se os resultados, metas e realização das atividades, conforme o que é esperado pela empresa, sendo importante para saber se a organização conseguirá atingir seus objetivos a curto e longo prazo. Resumidamente, os principais objetivos da avaliação de desempenho são:

  • Reconhecer os pontos de melhoria, para que os colaboradores ou a equipe consigam atingir um desempenho mais eficiente;
  • Verificar os pontos fortes de cada um;
  • Criar oportunidades de treinamento e mudanças dentro da empresa para aprimorar os resultados e o desempenho;
  • Registrar o histórico de desempenho de cada profissional, para dar feedback, promoção e análise de plano de cargo ou salário;
  • Elevar o engajamento dos profissionais;
  • Prevenir o aumento da rotatividade dos colaboradores.

Como escolher o tipo de avaliação?

Existem tipos diferentes de avaliações de desempenho e a escolha do tipo certo dependerá das necessidades específicas da organização e do objetivo da avaliação. Algumas coisas a serem consideradas ao escolher o tipo de avaliação incluem:

  • Objetivos da avaliação: Determine o que você quer medir e avaliar. Por exemplo, se você quer avaliar habilidades técnicas, então uma avaliação baseada em tarefas seria apropriada. Se você quer avaliar comportamentos e atitudes, uma avaliação baseada em observação ou entrevistas pode ser mais adequada.
  • Escala de avaliação: Decida se você quer avaliar indivíduos ou equipes e qual é a escala de avaliação que você vai usar. Por exemplo, se você quer avaliar indivíduos, você pode usar avaliações individuais baseadas em tarefas ou entrevistas. Se você quer avaliar equipes, você pode usar avaliações baseadas em grupo ou observações.
  • Recursos disponíveis: Considere os recursos disponíveis para a avaliação, incluindo tempo, dinheiro e pessoal. Por exemplo, uma avaliação baseada em entrevistas pode ser mais cara e demorada do que uma avaliação baseada em questionários.
  • Cultura da empresa: É importante considerar a cultura e valores da empresa, para que o método de avaliação escolhido seja aceitável e compreensível para os funcionários.

Como se faz uma avaliação de desempenho?

Uma avaliação de desempenho é um processo que mede e avalia o desempenho de um indivíduo ou grupo em relação aos objetivos e metas estabelecidos. Ela pode incluir uma avaliação de habilidades técnicas, comportamentos e atitudes, bem como feedback de superiores, colegas e subordinados. Alguns passos para realizar uma avaliação de desempenho incluem:

  1. Definir os objetivos e metas da avaliação;
  2. Escolher as ferramentas e métodos de avaliação, como entrevistas, questionários, observação, registros de desempenho etc.;
  3. Coletar e analisar dados;
  4. Fornecer feedback e desenvolver planos de ação para melhorar o desempenho;
  5. Revisar e acompanhar o progresso.

É importante que a avaliação de desempenho seja justa, objetiva e baseada em evidências, incluindo uma comunicação aberta e honesta entre avaliador e avaliado.

Como se organizar para uma avaliação de desempenho?

Tanto para a gestão que vai conduzir a avaliação quanto para os funcionários a serem avaliados, é preciso se preparar para uma avaliação de desempenho bem feita. Assim, listamos abaixo alguns métodos de organização que podem te ajudar:

DMAIC

A sigla significa “Definir, Medir, Analisar, Melhorar, Controlar” e é uma ferramenta muito utilizada na metodologia Seis Sigma. Esse é um bom meio, por exemplo, de realizar uma avaliação de desempenho por objetivos, com uma maneira clara de quantificar as metas.

SWOT

A matriz SWOT é um sistema de análise, excelente para avaliações. Nessa matriz, há quatro pontos: Forças (Strenghts), Fraquezas (Weakness), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats). É uma ótima maneira de avaliar um funcionário ou um líder, seja se tratando de seus soft skills ou hard skills.

Quais os benefícios de uma avaliação de desempenho?

Há várias boas razões pelas quais uma organização pode realizar avaliações de desempenho, incluindo:

  • Identificar pontos fortes e fracos: Uma avaliação de desempenho pode ajudar a identificar as habilidades, conhecimentos e comportamentos que estão contribuindo para o sucesso de um funcionário, bem como aqueles que precisam ser melhorados;
  • Fornecer feedback: As avaliações de desempenho fornecem um meio para dar feedback aos funcionários sobre seu desempenho e ajudá-los a entender como suas ações afetam a organização;
  • Desenvolver planos de ação: Uma vez que as avaliações de desempenho identificam pontos fortes e fracos, elas podem ser usadas para desenvolver planos de ação para melhorar o desempenho;
  • Motivar os funcionários: As avaliações de desempenho podem ajudar a motivar os funcionários a trabalhar para atingir suas metas e objetivos;
  • Melhorar a cultura: As avaliações de desempenho podem ajudar a criar uma cultura de feedback aberto e honesto, onde as pessoas se sentem valorizadas e apoiadas.

Leia mais:

Augusto Fontoura

Augusto Fontoura

Estudante de Engenharia de materiais na UEPG (Universidade Estadual de Ponta Grossa), atua no setor de marketing da FM2S