logística
Logística

19/01/2024

Analista de Suprimentos: atuação, curso e salário

Atualmente, com a crescente indústria 4.0, a eficiência operacional é a chave para o sucesso, cada função dentro de uma organização desempenha um papel crucial. Um desses papéis, muitas vezes subestimado, é o do Analista de Suprimentos. 

Você planeja se tornar um Analista de Suprimentos? Se você tem interesse em investir nessa carreira promissora, continue lendo este artigo e entenda em profundidade as responsabilidades e o impacto desse profissional, destacando por que eles são peças essenciais na engrenagem de uma empresa eficiente.

Qual é a função de um um Analista de Suprimentos?

O Analista de Suprimentos é responsável por diversas atividades chave que asseguram o fluxo eficiente e econômico de mercadorias e insumos necessários para a operação empresarial.

Um aspecto central do trabalho de um Analista de Suprimentos envolve a negociação com fornecedores, buscando sempre as melhores condições de preço, qualidade e prazo de entrega. 

Além disso, este profissional precisa ter um conhecimento profundo do mercado para identificar as melhores oportunidades de compra e estabelecer relações de longo prazo com fornecedores confiáveis.

A análise minuciosa de contratos, a realização de estudos de mercado e a compreensão das necessidades internas da empresa são outras tarefas fundamentais na rotina do Analista de Suprimentos. É essencial que este profissional possua habilidades analíticas apuradas, além de um bom entendimento das tendências de mercado e dos aspectos legais envolvidos nas transações comerciais.

Além disso, o Analista de Suprimentos deve ser um excelente comunicador, capaz de interagir efetivamente com diferentes departamentos dentro da empresa, desde a produção até o financeiro, assegurando que as necessidades de cada setor sejam atendidas de maneira eficiente.

Com a evolução tecnológica, o Analista de Suprimentos também precisa estar atualizado com as ferramentas e softwares mais recentes que auxiliam na gestão de inventário, no planejamento de compras e na análise de dados, elementos que se tornaram indispensáveis na otimização dos processos de suprimento.

logística carreira ebook

Qual o salário de um Analista de Suprimentos?

Quando se trata de quanto uma profissão ganha, depende de alguns fatores. O salário de um Analista de Suprimentos no Brasil varia de acordo com a experiência e o nível de senioridade do profissional. 

Em 2024, a média que um Analista de Suprimentos júnior geralmente ganha é em torno de R$ 2.500,00 por mês. 

Já para um Analista de Suprimentos pleno, o salário pode variar entre R$ 2.700,00 e R$ 5.500,00 mensais, dependendo da empresa e da localização.

Esses valores indicam uma faixa salarial que pode sofrer variações com base em fatores como tamanho da empresa, setor de atuação e localização geográfica dentro do país. 

O que precisa para ser um Analista de Suprimentos?

A área de cadeia de suprimentos ou supply chain exige alguns conhecimentos para se introduzir, por isso, para se tornar um Analista de Suprimentos, existem várias etapas e qualificações importantes que você deve considerar por em seu currículo, veja:

  • Educação: Geralmente, é necessário ter um diploma de bacharel, com formações mais comuns em Administração de Empresas, Logística, Engenharia de Processos ou Suprimentos, e Organização de Métodos. A formação superior é uma base importante para o entendimento dos conceitos e práticas de suprimentos e logística.
  • Experiência e conhecimentos específicos: Dependendo do setor em que deseja atuar, pode ser útil ter experiência ou conhecimento específico nessa área. Por exemplo, um Analista de Suprimentos em um banco pode se beneficiar de ter experiência em serviços financeiros.
  • Certificações: Embora não sejam sempre necessárias, certificações na área de suprimentos podem ser um diferencial. Elas demonstram um comprometimento com a profissão e um entendimento mais profundo dos processos de suprimentos e logística.
  • Habilidades técnicas e interpessoais: Conhecimento em pacote Office, especialmente Excel, e sistemas de ERP como SAP são frequentemente necessários. Além disso, habilidades de negociação, organização e bom relacionamento interpessoal são essenciais para o sucesso nessa carreira.
  • Adaptação e aprendizado contínuo: O campo de suprimentos está constantemente evoluindo, por isso é importante estar sempre atualizado com as novas tendências e tecnologias do setor.

Quais são as responsabilidades de um Analista de Suprimentos?

As atribuições de um Analista de Suprimentos não são poucas, afinal, a cadeia de suprimentos são complexas e cada etapa depende de outra. No geral, as responsabilidades de um Analista de Suprimentos são:

Análise de demanda

O analista deve analisar a demanda por materiais e recursos, considerando fatores como sazonalidade e tendências de mercado, para garantir que a empresa tenha o estoque adequado.

Seleção de fornecedores

É responsabilidade do analista pesquisar e avaliar fornecedores, considerando qualidade, preço, prazo de entrega e capacidade de fornecimento, com o objetivo de encontrar os mais adequados para a empresa.

Negociação de contratos

O analista deve negociar contratos com fornecedores, estabelecendo condições comerciais favoráveis, como prazos de pagamento e descontos.

Gestão de estoque

Gerenciar eficientemente o estoque da empresa é uma tarefa chave. Isso inclui monitorar níveis de estoque, realizar inventários e implementar estratégias para otimizar a utilização dos recursos.

Planejamento de compras

Planejar as compras da empresa é essencial, levando em conta as necessidades de produção, demandas dos clientes e prazos de entrega.

Acompanhamento de fornecedores

Monitorar o desempenho dos fornecedores para assegurar que cumpram com os prazos de entrega e mantenham a qualidade dos produtos é outra tarefa importante.

Análise de custos

O analista deve analisar os custos associados aos suprimentos, identificando oportunidades de redução de custos e implementando ações para otimizar os gastos.

Implementação de melhorias

Identificar oportunidades de melhoria nos processos de suprimentos e implementar ações para aumentar a eficiência e produtividade é também uma parte crucial do trabalho

Como se tornar um Analista de Suprimentos?

Se você está considerando uma carreira como Analista de Suprimentos, é essencial entender a importância de uma formação robusta e específica para se destacar nessa área. 

MBA em Supply Chain da FM2S representa uma oportunidade única para desenvolver as habilidades e o conhecimento necessários para essa profissão.

Neste curso, você será imerso em conceitos fundamentais e práticas avançadas de gestão de cadeia de suprimentos, um aspecto crítico para qualquer negócio. O currículo do MBA é cuidadosamente projetado para cobrir todos os elementos essenciais da função, desde a logística e operações até a estratégia de compras e gerenciamento de relações com fornecedores.

Além do conhecimento técnico, o curso da FM2S também enfoca o desenvolvimento de habilidades analíticas e de tomada de decisão, cruciais para um Analista de Suprimentos. 

Você aprenderá a analisar dados complexos, identificar tendências do mercado, e criar estratégias eficazes para otimizar processos de suprimentos e reduzir custos.

Ter um MBA em Supply Chain da FM2S no seu currículo não apenas aumenta suas chances de entrar neste campo competitivo, mas também prepara você para assumir posições de liderança no futuro. 

Empregadores valorizam profissionais que possuem uma compreensão profunda e uma educação formal na área, o que faz deste MBA um investimento significativo para sua carreira.

Leia Mais:

Equipe FM2S

Equipe FM2S

A FM2S Educação acelera a carreira profissional de seus alunos