O que é Mindset? Como utilizá-lo?

Mindset
02 de junho de 2020
Última modificação: 02 de junho de 2020

Autor: Guilherme Mendes
Categorias: Blog, Carreira

Introdução

Mindset é uma palavra que importamos do inglês que está sendo bastante utilizada no vocabulário brasileiro e que, provavelmente, você já tenha escutado em algum lugar. Esta palavra está diretamente relacionada com a sua personalidade e saber como ajustar o seu mindset pode ser extremamente poderoso em questões profissionais.

Você acredita que o seu mindset pode afetar seu sucesso ou fracasso? De acordo com a psicóloga Carol Dweck, suas crenças desempenham um papel central no que você deseja e se consegue alcançar. Dweck descobriu que o seu mindset é que desempenha um papel significativo na determinação de realizações e sucesso. Mas então, o que exatamente é mindset?

O que é Mindset?

Em uma tradição literal para o português, mindset significa mentalidade. Uma mentalidade se refere a se você acredita que qualidades como inteligência e talento são traços fixos ou mutáveis.

A mentalidade pode ditar como você se vê e o mundo ao seu redor. Mas também pode criar limitações auto-impostas dentro do seu próprio sistema de crenças. A definição tradicional de mentalidade refere-se à maneira de pensar de um indivíduo. Mas o significado da mentalidade pode diferir de pessoa para pessoa.

Mindset Fixo e de Crescimento

Na mentalidade fixa, as pessoas acreditam que suas qualidades são características fixas e, portanto, não podem mudar. Essas pessoas documentam sua inteligência e talentos, em vez de trabalhar para desenvolvê-las e melhorá-las. Eles também acreditam que o talento por si só leva ao sucesso, e não é necessário esforço.

Como alternativa, em uma mentalidade de crescimento, as pessoas têm uma crença subjacente de que seu aprendizado e inteligência podem crescer com o tempo e a experiência. Quando as pessoas acreditam que podem se tornar mais inteligentes, percebem que seu esforço afeta o sucesso e, portanto, dedicam mais tempo, levando a maiores conquistas.

Qual é o seu Mindset?

Muitas vezes, influências externas afetam nossa mentalidade. As mensagens que você recebe ao longo da vida podem desempenhar um papel importante na formação de sua mentalidade.

As crianças a quem é dito que não devem aprender algo porque não são inteligentes o suficiente ou atléticas o suficiente formam mentalidades fixas desde o início. E a sociedade reforça essas mensagens.

Se você acredita que pode desenvolver ou aprimorar seus próprios talentos com bastante trabalho e tempo, provavelmente terá uma mentalidade de crescimento. Mas, se você estiver dizendo que não pode fazer algo, não é bom o suficiente? Você pode ter uma mentalidade fixa. A boa notícia é que você pode mudar sua mentalidade.

No entanto, como aprender uma nova habilidade, você deve estar disposto a adotar o trabalho e o tempo que ele exige.

Por que Mindsets são importantes?

Sua mentalidade desempenha um papel crítico na maneira como você lida com os desafios da vida. Na escola, uma mentalidade de crescimento pode contribuir para maiores conquistas e maior esforço. Ao enfrentar um problema, como tentar encontrar um novo emprego, pessoas com mentalidade de crescimento mostram maior resiliência. Eles são mais propensos a perseverar diante de contratempos, enquanto aqueles com mentalidade fixa são mais propensos a desistir.

Pensamentos fixos, tendem a criar uma necessidade de aprovação. Eu já vi tantas pessoas com esse objetivo de provar a si mesmas na sala de aula, em suas carreiras e em seus relacionamentos”, explica Dweck em seu livro Mindset. Todas as situações exigem uma confirmação de sua inteligência, personalidade ou caráter. Todas as situações são avaliadas: terei sucesso ou fracassarei? Ficarei inteligente ou burro? Serei aceito ou rejeitado? Serei um vencedor ou um perdedor?

As mentalidades de crescimento, por outro lado, resultam em fome de aprendizado. Um desejo de trabalhar duro e descobrir coisas novas. Enfrentar desafios e crescer como pessoa. Quando as pessoas com uma mentalidade de crescimento tentam e falham, tendem a não vê-la como uma falha ou decepção. Em vez disso, é uma experiência de aprendizado que pode levar a crescimento e mudança. Ter controle sobre isso é essencial, ainda mais para os cargos de liderança.

Aproveite para conferir o curso de Liderança Para Novos Gestores da FM2S, disponível em nossa formação carreira e Liderança.

Uma questão que tem ganhado destaque é a relação do Mindset com o mundo digital. O digital é tanto sobre pessoas quanto sobre tecnologia. A eficiência, na era digital, é reunir pessoas e tecnologia sem problemas. Portanto, uma parte significativa da operação no cenário atual é ter uma ‘mentalidade digital’, poder incorporar a tecnologia em suas funções diárias e extrair valor dela. Mas em sua raiz, o que significa Mindset Digital?

O que é Mindset Digital?

A mentalidade digital não é apenas a capacidade de usar a tecnologia. Pelo contrário, é um conjunto de atitudes e comportamentos que permitem que pessoas e organizações prevejam possibilidades. Mídias sociais, big data, mobilidade, nuvem, IA e robótica são algumas das grandes forças digitais que estão atrapalhando e desconstruindo o mundo hoje, permeando todos os aspectos da vida e dos negócios. Para que as organizações prosperem, elas devem ser capazes de criar e implementar uma estratégia de negócios que explique as principais mudanças causadas por essas forças.

As organizações, no entanto, são sobre pessoas. Portanto, para uma organização ter sucesso, ela deve ter as pessoas certas; e uma organização digital requer pessoas com uma mentalidade digital, caracterizada pela capacidade de:

  • Entenda o poder da tecnologia para democratizar equipes e processos;
  • Adapte-se à escala de produção e acelere todas as formas de interação e ação;
  • Segure o impacto da interconectividade;
  • Encare as mudanças e perturbações com serenidade.

É crucial destacar que ser digitalmente experiente não é o mesmo que ter uma mentalidade digital. O conhecimento digital mostra apenas a capacidade de um indivíduo usar tecnologias específicas e permite que ele desenvolva uma mentalidade digital de maneira mais integrada, caso deseje fazê-lo. Na era digital, no entanto, não optar por desenvolver uma mentalidade digital leva a repercussões catastróficas.

Bem como existe a relação entre mindset e o mundo digital, existem também relações da mentalidade com algumas metodologias, como é o caso da metodologia ágil, o que deu origem ao Mindset Ágil. Essa relação é utilizada para condicionar alguns princípios da metodologia ágil no mindset dos colaboradores de uma companhia. Mas como isso funciona?

O que é Mindset Ágil?

Mais do que termos, práticas, reuniões e histórias de usuários, o Agile Mindset mantém a equipe no ponto e os ajuda a se autogerenciar, mesmo que não estejam familiarizados com os termos usados ​​no Agile.

Se você não sabe o que é a metodologia ágil confira:

Por que isso é mais importante do que os termos e práticas do Agile no nível habitual e pessoal? Essencialmente, uma mentalidade é uma cultura que você implementa com o incentivo para aceitar ou adotar as normas culturais. Se você deseja realmente implementar o Agile, ele deve se tornar parte da cultura da sua empresa.

Como essa parte do Agile passa por valores, normas, tradições e hábitos pessoais de trabalho, quais são os indicadores de que sua equipe tem uma mentalidade ágil?

Indicadores de Mindset Ágil

  • Encarar o fracasso como uma oportunidade de aprendizado. Um dos principais conceitos do Agile é que o seu produto de trabalho evolui, melhora e se desenvolve com o passar do tempo. Isso significa que quando um sprint falha, significa simplesmente que há mais melhorias a serem feitas.
  • Acolher perspectivas diferentes e diversidade de pensamento. A razão pela qual você deseja uma equipe multifuncional composta por desenvolvedores seniores e outros especialistas é porque deseja que eles tenham intensas discussões diárias na reunião do Scrum e se autogerenciem.
  • Agora, a definição de diversão pode ser subjetiva, mas é fácil medir e observar. Quando a energia é alta, as pessoas são motivadas e passam um tempo juntas fora do Scrum ou do escritório, você sabe que elas estão se divertindo. Se você escolheu uma boa equipe, a experiência de aprendizado também deve proporcionar muito prazer.
  • O espaço de trabalho é sustentável. É importante definir uma maneira de verificar se o ritmo que você definiu para o seu Sprints é adequado para a equipe. Rotatividade tardia e itens inacabados são indicações de que o ritmo é muito rápido ou há muitos itens. Acabamentos antecipados significam que o ritmo é muito lento ou as pessoas são capazes de mais e não são desafiadas. O ritmo sustentável mantém as pessoas em alerta, mas com níveis saudáveis ​​de estresse.
  • Os membros da equipe podem aceitar mudanças e adaptar-se rapidamente. É fácil identificar os membros que terão problemas para manter uma mentalidade ágil. Essas são as pessoas que não gostam de mudanças ou não conseguem lidar bem com as condições em evolução.

Ter uma mentalidade ágil significa agregar valor desde o início e trabalhar em colaboração com outras pessoas, compartilhando o mesmo objetivo comum e usando um processo de melhoria contínua (inspeção, adaptação e transparência).

Você pode conferir os cursos de Metodologias Ágeis e Especialista Scrum da FM2S, disponível em nossa Plataforma EAD. Acesse já e confira!

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *