Diário: como usar para se desenvolver profissionalmente?

Diário
16 de julho de 2021
Última modificação: 28 de setembro de 2021

Autor: Paulo Oliveira
Categorias: Carreira

Você gostaria de se tornar um melhor comunicador, desenvolver autoconsciência, construir autoconfiança e aprender rapidamente com os erros, por meio de um evento simples e diário? Tudo isso – e muito mais – é possível quando você mantém um diário.

Dessa forma, neste artigo, exploraremos o que o registro no diário pode fazer por você e como você pode encaixar esse hábito valioso em sua programação.

O que é um diário?

Diário pode ser um caderno ou local onde você possa fazer anotações, geralmente de caráter íntimo, essa anotações são geralmente diárias de experiências pessoais que é organizada pela data de entrada das informações. Um diário pessoal pode incluir experiências de uma pessoa e/ou pensamentos, sentimentos e segredos.

Exemplo de diário

Existem diversos diários famosos, mas o que mais se destacou até hoje foi o “Diário de Anne Frank”, escrito no período da segunda guerra. Neste relato, a menina retrata a experiência da guerra no ponto de vista de uma criança de 13 anos.

Diário de bordo

Além dos diários pessoais, podemos citar os Diários de bordo, que eram primordialmente utilizados na navegação, com intuito de registrar os acontecimentos mais importantes da viagem. Porém com o passar do tempo, este hábito passou a ser utilizado para o desenvolvimento de projetos. Pois caso ele seja bem feito, facilita muito para identificar erros de projetos futuros e buscar melhorias dentro do próprio projeto atual.

Mas por que devo usar um diário?

O registro no diário é simplesmente manter um registro de seus pensamentos, sentimentos e experiências.

Pode soar como outra tarefa que você teria dificuldade em encaixar em uma agenda lotada, mas não precisa ser uma tarefa demorada. Na verdade, depois de começar, você provavelmente descobrirá que é um hábito agradável e válido.

Registrar calmamente os detalhes de um evento após sua ocorrência pode fornecer a você um valioso “espaço mental”, permitindo que você avalie – de forma objetiva e imparcial – o que acabou de ocorrer.

Vantagens de fazer um registro diário

Há muitas vantagens de fazer anotações diariamente. Assim, O registro no diário pode ajudá-lo a:

Comunicação

O registro no diário também pode ajudá-lo a desenvolver suas habilidades de comunicação, porque você começa a praticar suas habilidades de escrita e a aprender como expressar seus pensamentos e sentimentos com mais clareza.comunicacao-assertiva

Lidar com problemas

Além disso, esse hábito pode ajudá-lo a lidar com eventos negativos de maneira mais eficaz. Um estudo importante mostrou que as pessoas que usaram um diário para descrever e analisar suas emoções após um evento estressante se sentiram mais positivas a longo prazo.

Acompanhar seu progresso

Por fim, o registro no diário pode ajudá-lo a acompanhar seu progresso em direção a seus objetivos. É mais fácil ver o que você realizou ao gravar, o que, por sua vez, pode ser motivador e gratificante. 

Objetivo dos registros

Cada pessoa tem seu objetivo ao escrever em seu diário. Dessa forma, a maneira de utilizar esta ferramenta pode variar de acordo com seu propósito. Por exemplo:

  • Jessica atualiza seu diário após assistir aos treinamentos, para refletir sobre o que aprendeu em cada sessão.
  • Carlos registra em seu diário todas as noites depois do trabalho. Ele leva um tempo para refletir sobre o que fez bem e pensa cuidadosamente sobre o que poderia ter feito melhor, especialmente no que diz respeito às interações com sua equipe.
  • Paulo se sentiu insatisfeito em seu trabalho por vários anos. Recentemente, ele começou a escrever no diário todas as manhãs para ajudá-lo a identificar um novo propósito em seu trabalho.

Além disso, há outras maneiras de escrever e buscar a sua própria forma é o ideal para encaixar esse hábito em sua rotina.

Como manter seu diário

Não existem regras rígidas sobre como manter um diário. É um processo muito pessoal e, com o tempo, você provavelmente encontrará sua própria abordagem.

Se você é novo nisso, tente estas sete dicas para começar:

1. Escolha um formato

Os diários em papel são o formato mais comum: muitas pessoas acham que o ato físico de “colocar a caneta no papel” as ajuda a refletir. É lento e medido e pode ser uma forma valiosa de começar ou terminar o dia.

Outra opção é manter um diário eletrônico. Isso pode ser tão simples quanto manter um documento em seu computador ou fazer entradas em um aplicativo de notas como o Google Keep ou Evernote. Ou você pode usar aplicativos de diário específicos, como iDoneThis.

Você também pode considerar começar um blog, se você acha que seus insights podem beneficiar outras pessoas. Lembre-se, porém, de que qualquer pessoa poderá ler seus pensamentos, sentimentos e experiências, portanto, evite dizer qualquer coisa negativa ou prejudicial sobre seus colegas, clientes ou organização. Ou configure seu blog para que somente você possa acessá-lo.

Os formatos alternativos incluem manter diários de vídeo ou áudio , o que pode funcionar bem se você se sentir mais confortável falando do que escrevendo.

2. Vá no seu ritmo

Seu diário não precisa ser um romance! Vá devagar no início. Talvez escreva por cinco ou dez minutos e pare quando tiver o suficiente ou quando sentir que não tem mais nada a dizer. Com o tempo, você pode descobrir que deseja continuar por mais tempo, levantando outras questões.

Além disso, tente não corrigir ou censurar o que você escreve ou diz – apenas deixe as palavras (e sentimentos, emoções e ideias) fluírem.

3. Transforme em um hábito

Diário é um bom hábito ter, mas, como qualquer hábito, leva tempo e autodisciplina para mantê-lo preso.

Para obter o máximo de sua experiência de registro no diário, tente registrar suas experiências ao mesmo tempo todos os dias de trabalho – de preferência quando você não for interrompido. A primeira coisa pela manhã, na hora do almoço ou logo antes de dormir são os horários populares, mas o importante é descobrir o melhor horário para você e cumpri-lo.

4. Reflita sobre suas experiências

Um diário eficaz combina uma narrativa clara sobre eventos recentes com pensamento crítico sobre o que você aprendeu – e, talvez o mais importante, o que você pode mudar ou melhorar.

Mas como devo refletir?

Para ajudá-lo a refletir, considere as seguintes questões:

  • O que aconteceu desde a última vez que você escreveu no diário?
  • Se você pudesse revisitar um evento recente, o que faria de diferente e por quê?
  • O que você aprendeu desde sua última entrada?
  • Que erros você cometeu e o que deu certo?

Sempre que você registrar no diário, pense cuidadosamente sobre a coisa mais importante que aconteceu com você desde seu último registro e tenha em mente que esse evento pode ser sutil.

Por exemplo, você pode ter feito uma ótima apresentação. Mas, pode ser mais importante observar que você estava chateado com seu assistente antes da apresentação e que você tirou fotos desnecessariamente. Este é o evento que você precisa registrar em detalhes e aprender, explorando por que você ficou chateado e por que se comportou daquela maneira.

Além disso, registre todas as vitórias rápidas que você alcançou (por exemplo, obter uma resposta informativa por e-mail), para que eles não escapem da sua memória. Refletir sobre isso pode aumentar sua motivação e autoconfiança.

E, se você não consegue pensar em nada para registrar em seu diário, não se preocupe. Você poderia simplesmente escrever ou dizer: “Não tenho nada a relatar hoje” ou “As coisas estavam muito tranquilas hoje” e seguir em frente. Provavelmente, não demorará muito para que você tenha algo a relatar.

5. Seja honesto

Tente não amenizar os eventos ao registrá-los. Você só aprenderá com suas experiências se for honesto sobre elas. Seja sincero sobre o que você pensou, como agiu ou como uma pessoa ou situação o fez sentir.

Lembre-se de que ninguém está lendo essas palavras além de você – a menos que você esteja colocando em um blog publico, é claro – então não há necessidade de se preocupar com a opinião de ninguém.

6. Concentre-se em pontos positivos e negativos

Mesmo se você teve um dia ruim, tente refletir sobre pelo menos uma coisa positiva que aconteceu – e quanto mais você puder pensar, melhor. O que levou a esse evento positivo e o que você aprendeu?

Se você não consegue identificar um evento positivo, simplesmente “conte suas bênçãos” pensando sobre coisas pelas quais você é grato, como sua saúde, suas habilidades ou sua família.

7. Mantenha seus objetivos em mente

Pense em seus objetivos de longo prazo conforme você faz sua entrada no diário.

Qual foi o progresso que você fez desde a última vez que adicionou pensamentos ao seu diário, e o que você pode fazer a seguir para progredir em seus objetivos importantes? Aconteceu alguma coisa durante o seu dia que pudesse impactar essas metas? (Por exemplo, receber um projeto inesperado que ocupará muito do seu tempo.)

Você pode até começar seu diário fazendo uma lista de seus objetivos e, em seguida, agendar revisões regulares à medida que avança.

Resumo

Em síntese, O registro no diário é o processo de registrar seus pensamentos, sentimentos e experiências diárias. Oferece muitos benefícios para o seu crescimento pessoal e profissional.

Para começar a escrever no diário, decida um formato e encontre um tempo (de alguns minutos a uma hora) em seu dia para registrar suas entradas, de modo que se torne um hábito.

Assim, ao registrar eventos em seu diário, pense criticamente sobre o que você experimentou, como você poderia ter se comportado de maneira diferente e o que aprendeu.

Seja honesto sobre seus pensamentos e sentimentos. Dessa forma, tente identificar pelo menos uma coisa positiva que aconteceu em seu dia e reflita sobre seus objetivos e seu progresso em direção a eles.

Leia Mais

Integridade: fazendo as escolhas certas de forma consistente

Profissionalismo: principais características de um bom profissional

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *