O que é Green Belt?

Green Belt é a certificação intermediária do Seis Sigma. É a certificação para a melhoria de processos. Com ela, você vai saber analisar dados de uma maneira bastante avançada, bem como usar essas análises para gerar resultados em sua empresa. A ementa detalhada está mais abaixo na página, mas em linhas gerais, você aprenderá uma série de ferramentas do Seis Sigma que vão alavancar a sua carreira e o negócio de sua empresa.

Depoimento de um Green Belt

40 horas

Aulas Teóricas e Práticas

Coaching

Tiramos suas dúvidas

Avaliação

Analisamos e feedback

Certificação

Você Green Belt

Projeto 1

Suportamos o 1º projeto

Projeto 1

Certificamos seu Projeto

Green Belt Presencial

Comece a mudar sua carreira

Carga horária: 40 horas-aula / 4 horas de coaching / 20 horas-aula de atividades complementares

  • Certificado Green Belt
  • Certificado Minitab

R$ 1.900,00 ou 12 vezes de R$ 175,00

Desconto Grupos: 5% para cada pessoa adicional (até o máximo 30%)

Fique tranquilo. Você não precisa pagar nada nesse momento.

 

 

 

Pacote Estudantes


- Pacote Estudantes: 10% de desconto para cada colega que você trouxer para fazer o curso junto. Tragam seus colegas de classe, ganhe esse super desconto e entre no mercado de trabalho Certificado Green Belt (desconto máximo de 40%)

Turmas Presenciais ou Transmitidas

Venha para nossa capacitação presencial ou assista ao vivo o Green Belt FM2S de onde você estiver, interagindo em tempo real com nosso professor

Campinas SP
Horário  Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de dezembro de 2017 4, 5, 6, 7, 8, 11, 12, 13, 14 e 15 de dezembro
Local Rua Paulo César Fidélis, nº 39, Sala 220
Rio de Janeiro RJ
Horário  Segunda à Sexta - 18:15 às 22:00
Datas - turma de dezembro de 2017 4, 5, 6, 7, 8, 11, 12, 13, 14 e 15 de dezembro
Local Avenida Rio Branco, 124
Campinas SP
Horário Sábados e domingos - 08:00 às 17:30h
Datas - turma de novembro de 2017 25, 26 de novembro e 2, 3 e 9 de dezembro
Local Rua Paulo César Fidélis, nº 39, Sala 220
Porto Alegre RS
Horário  Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de dezembro de 2017 4, 5, 6, 7, 8, 11, 12, 13, 14 e 15 de dezembro
Local R. Tobias da Silva, 120 - Moinhos de Vento
Belo Horizonte MG
Horário  Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de janeiro de 2018 15, 16, 17, 18, 19,  22, 23, 24, 25 e 26 de janeiro 
Local  Av. Carandaí, 161, Funcionários
São Paulo SP
Horário  Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de dezembro  de 2017 4, 5, 6, 7, 8, 11, 12, 13, 14 e 15 de dezembro
Local Av. Paulista, 807
Fortaleza CE
Horário Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de novembro de 201720, 21, 22, 23, 24, 27, 28, 29 e 30 de novembro e 1 de dezembro
Local 
Ponta Grossa PR
Horário  Sábados e Domingos, das 8h às 17h
Datas - turma de janeiro de 2018 13, 14, 20, 21 e 27 de janeiro
Local Rua Balduino Taques - 810 - Centro - Ponta Grossa - PR
São José do Rio Preto SP
Horário  Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de novembro de 2017 20, 21, 22, 23, 24, 27, 28, 29 e 30 de novembro e 1 de dezembro
Local  
Curitiba PR
Horário Segunda à sexta, das 19h às 22:30
Datas - turma de janeiro de 201815, 16, 17, 18, 19,  22, 23, 24, 25 e 26 de janeiro  
Local 
Brasília DF
Horário Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de novembro de 201720, 21, 22, 23, 24, 27, 28, 29 e 30 de novembro e 1 de dezembro
Local 
Salvador BA
Horário Segunda à sexta, das 19h às 22:30
Datas - turma de janeiro de 201815, 16, 17, 18, 19,  22, 23, 24, 25 e 26 de janeiro  
Local 
Recife PE
Horário Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de março de 20185, 6, 7, 8, 9, 12, 13, 14, 15 e 16 de março
Local 
Goiania GO
Horário Segunda à Sexta - 19:00 às 22:40
Datas - turma de março de 20185, 6, 7, 8, 9, 12, 13, 14, 15 e 16 de março
Local 

Quais são as dúvidas mais comuns da Certificação Green Belt?

 

Muita gente que acompanha nossos posts e cursos tem dúvida sobre a certificação Seis Sigma para Yellow Belt, Green Belt, Black Belt e Lean. Pensando nisto, a Márcia, nossa gerente de relacionamento, resolveu listar as principais perguntas que recebemos sobre o tema, respondendo-as. São 11 questões que farão um potencial cliente mais preparado para escolher o que o mercado lhe oferece de melhor.

Certificação Green Belt

Q1: O que tenho que fazer para conseguir certificar-se?

Para obter um certificado Seis Sigma, seja ele WhiteYellowGreen ou Black é preciso assistir a uma determinada quantidade de aulas teóricas e uma prova, ao final. Para o Black, além das aulas teóricas e da prova é necessário realizar um Projeto de Melhoria contanto, é claro, com o suporte dos nossos consultores. Se o aluno assistir a 75% das aulas teóricas e acertar 70% das questões na prova, e tiver o Projeto Aprovado (no caso do Black) ele recebe nosso certificado, tornando-se um Especialista Belt e diferenciando-se no mercado.

 

Q2: Qual a carga horária padrão do curso?

A prática comum para a certificação Seis Sigma não são as horas, mas o conteúdo abordado. Para o Green Belt FM2S, nós temos cursos de 40 horas e de 80 horas, sendo este último indicado para áreas de desenvolvimento de produtos ou processo, já que coloca ênfase nos testes Estatísticos.

Q3: Como funciona a certificação Seis Sigma?

Não há uma única instituição destinada a prover a certificação Seis Sigma para um profissional, assim como há o CREA para engenheiros ou o CRM para médicos. Quase todas as empresas que dão treinamento e consultoria em Seis Sigma, acabam certificando profissionais, nos mais diversos níveis. Aqui, na FM2S, certificamos gratuitamente todos aqueles que fazem nosso curso de introdução ao Seis Sigma – White Belt, por exemplo.

Q4: Por que a ASQ (American Society for Quality) não é a única certificadora, assim como o PMI?

Há muitas razões pelas quais a ASQ não tornou-se, automaticamente, a única fonte de certificação para os Green Belts, Blacks Belts e Master Black Belts. Primeiro, a ASQ começou a oferecer suas certificações a partir do ano 2000, entretanto, o Seis Sigma tornou-se popular no inicio dos anos 1990. Segundo, a metodologia foi originalmente criada pela Motorola (apesar da maioria do seu conteúdo ser de domínio público) e neste período, não se imaginava o enorme impacto que o Seis Sigma teria na comunidade internacional de negócios até o final dos anos 90. E finalmente, há algumas reclamações dos profissionais Seis Sigma sobre a velocidade de tomada de decisão da ASQ, pois nas vezes que ela tentou controlar a evolução do Seis Sigma, acabou criando barreiras na sua adoção pelas industrias e pelos negócios.

Q5: Diante disto, há razões para eu me certificar?

As razões para a certificação são as mesmas das demais que existem no mercado:

  • Para mostrar sua proficiência no assunto;
  • Para melhorar sua empregabilidade;
  • Para potencialmente aumentar seu salário.

Ultimamente, certificar-se é uma decisão profissional que só você pode tomar. Em alguns casos, será necessária para você avançar na hierarquia de algumas organizações. Por exemplo, em algumas empresas, exige-se que o colaborar seja um Green Belt certificado para que ele possa ser promovido. Em outros casos, a certificação Seis Sigma irá mostrar à todos a sua energia e intenção em tornar-se um líder dentro de sua área de atuação.

Q6: Caso eu mude de empresa, continuo Green Belt?

Sim. Assim como sua licença de motorista, a certificação Green Belt serve para todas as empresas, independente se seu projeto de finalização do curso foi feito em outra empresa. Algumas poucas empresas, no entanto, pedirão que você faça uma prova para reavaliar seus conhecimento e assim, atestar sua aptidão na aplicação dos conceitos. É por isso que nossos Green Belts formados pode assistir e rever as aulas sempre que precisarem, pois é comum esquecermos um ou outro conceito ao longo dos anos.

Precisamos pontuar que a qualidade do corpo técnico da empresa que lhe certificou também é algo importante nestes casos. Se você fez seu curso numa consultoria onde seu professor tinha doutorado e uma grande rede de relacionamentos no mundo corporativo, por ter ocupado cargos de gestão em grandes empresas, o mercado verá de um jeito. Se, por outro lado, você fez um curso com alunos de mestrado, sem experiência corporativa comprovada ou com gestores aposentados sem formação acadêmica de ponta, o mercado verá de outro modo e certamente, irá lhe pedir mais detalhes sobre seu projeto ou pedirá que faça uma prova para atestar seus conceitos.

Q7: Posso fazer a prova de certificação sem assistir ao curso?

Sim. Você poderá fazer a prova de certificação sem ter a necessidade de fazer o curso. Hoje em dia, com a quantidade de informações que a internet possibilita, é comum que alguns autodidatas aprendam sozinhos o conteúdo estatístico relevante a curso de Green Belt. Neste caso, ele poderá certificar-se fazer um prova e apresentando um projeto no qual fique claro que o resultado foi obtido por meio da implementação das ferramentas que fazem parte do curso. Nós, da FM2S aplicamos esta prova e possuímos uma banca de especialistas que irá avaliar o seu projeto. Se preferir, como falamos anteriormente, há a ASQ que também aplica esta prova.

Q8: Qual é a validade da certificação?

A certificação Green Belt ou Black Belt é reconhecida internacionalmente, já que os americanos foram responsáveis por disseminar a metodologia para o mundo todo. Porém, o problema é o reconhecimento da unidade certificadora e este pode variar de empresa para empresa. Nós, na FM2S, por termos projetos no México e na Colômbia, garantimos que além do Brasil, seu diploma será reconhecido nestes lugares. Na Colômbia, um de nossos professores, o Dr. Virgilio F. M. dos Santos, também é professor do curso de extensão em formação Green Belt, assim como ele é na Unicamp. Porém, se você for utilizar o seu certificado nos Estados Unidos para uma determinada empresa, é prudente que pergunte aos responsáveis quais os critérios para eles validarem o seu curso.

Q9: Quais são os pré-requisitos para o Black Belt?

Depende. Muitas escolas exigem que o aluno, para matricular-se no Black Belt seja Green Belt, mas há um engano cometido aí. Há dois cursos diferentes, que acaba sendo confundido por muita gente. O curso de transição Green Belt para Black Belt, de 80 horas e o curso Black Belt, de 160 horas. Na FM2S nós possuímos os dois. Para o curso de Transição, é necessário que o aluno seja Green Belt, mas para o curso de Black Belt não. É solicitado apenas que o aluno faça uma prova de Estatística para avaliar seus conhecimentos básicos, e se necessário, será solicitado ao aluno que faça algumas aulas de adaptação antes de ingressar no curso. Porém, aqui na FM2S, é claro para nós que se o aluno deseja fazer o Black Belt direto, pode fazer. Será mais puxado? Em tese, sim, mas assim como o Ministério da Educação passou a não mais exigir o título de mestre ao candidato à doutor, podemos não exigir o título de Green Belt ao candidato ao Black Belt.

Q10: E como funciona a FM2S no que tange a certificação?

Na FM2S, o curso de Green Belt é levado a sério. Você terá aula com professores com uma grande base técnica, se traduz pelo conhecimento acadêmico do doutorado e pela experiência prática dos anos de aplicação da metodologia. Não vendemos um nome que não estará presente nas aulas, vendemos um corpo técnico de primeira. Além disto, nosso curso tem 40 horas de aulas dedicadas ao aprendizado dos conceitos, por meio de exposição teórica, leitura e várias dinâmicas e 25 horas de aplicação dos conceitos aprendidos em projetos. E, é neste momento que ele sentirá bastante diferença, ao contar com toda nossa experiência corporativa. Aqui, a teoria é prática e os resultados, garantidos. Ao final destas horas, o aluno será submetido a uma prova teórica, que se passar, receberá o certificado teórico da participação nas aulas de Green Belt. Findo o treinamento formal, o aluno terá um ano para aplicar seus conceitos por meio de um projeto para se aprovado, receber seu certificado prático no qual atestaremos sua habilidade prática, bem como seus resultados obtidos. Seu diploma terá o valor economizado à empresa, deixando claro o grau de sucesso que cada um conseguiu ao tornar-se Green Belt.

Q11: Como saber qual a melhor escola para fazer meu Green Belt?

Esta é uma pergunta interessante. Como um aluno poderá saber se está investindo seu dinheiro no lugar certo? Só há uma resposta: olhando o nível técnico e a experiência dos seus professores. Para isto, recomendo uma pesquisa extensa no Linkedin, inclusive lendo as recomendações que os profissionais recebem, e na plataforma Lattes do CNPQ.

No Linkedin, procurar saber se os professores ocupam cargos de conselho em instituições de pesquisa e já ocuparam cargos semelhantes ao que você ocupa ou deseja ocupar. Não adianta ter aulas com um professional que nunca saiu dos muros da faculdade ou que só atuou como consultor, não conhecendo as durezas e a falta de tempo de um gestor corporativo.

Outro caráter importante é procurar dados e fatos. É comum que várias escolas afirmarem que formaram mais de 10.000 alunos, porém, como não há no IBGE a categoria alunos Green Belts formados por escola, desconfiem. Ainda neste sentido, é bom solicitar à empresa que envie uma lista de pelo menos uns 20 alunos formados, para que você possa sortear alguns e mandar-lhe um e-mail cortês perguntando sobre o curso. Veja também a experiência. É difícil alguém de 30 anos ter 20 anos de experiência na metodologia (começar a tocar projetos com 10 anos, só se for de Lego) ou alguém trabalhar com Seis Sigma, salvo se tiver sido gestor da Motorola nos EUA, desde 1990.

É importante também, atestar perguntar com quem que estes alunos tiveram aula, para não cair no erro de comprar banana e levar abacaxi. Ainda nisto, é importante checar as informações sobre onde estes profissionais lecionam ou trabalham, acessando fontes oficiais de informação.

Busquem conhecer os materiais, vídeos, cursos grátis e posts antes de investir seu dinheiro. A FM2S oferece uma grande quantidade de e-books que atestam como trabalhamos, bem como as apostilas de nossos cursos de LeanWhite Belt e Green Belt. Baixem estes materiais e estudem-no. Isto fará com que entendam se o estilo de aula é aquele o qual você aprecia.

Por último, num ano de crise, penso que o caráter preço também deva ser levado em conta. Na FM2S temos uma política muito peculiar de definirmos o preço. Nós colocamos um preço que achamos justo e seguimos com ele até o fim. É comum algumas empresas colocarem um preço alto e ficarem promovendo descontos para quem se inscreve de última hora, ou fazendo de bobo quem paga o preço cheio. É isto que não fazemos na FM2S.

Conheça a opinião de nossos alunos

dayanna

Dayanna da Silva Nunes

Ótimo curso, com ele creio que vou poder desenvolver o meu trabalho em 100% , pois aprendi coisas interessantes e de fácil aplicação para o meu desenvolvimento e para o desenvolvimento da empresa.
chiara

Chiara Pinatto Gehring

Tinha uma outra visão sobre o WB. Aprendendo também sob esta óptica contribui ainda mais para o meu crescimento profissional/pessoal. Conteúdo passado de forma clara e leve. Material didático para consulta super completo.
mylena

Mylena Ferreira Lopes

Foi muito construtivo, consegui visualizar possíveis mudanças que melhoraram o processo e a qualidade. Obrigada!
wanelly

Wanelly da Silva Rocha

Excelente abordagem! Comunicação de forma clara e de fácil aplicação na nossa rotina profissional. Parabéns!
rdmc

Ellen Nagle Ferreira

Muito boa a explanação, e exposto por um especialista, melhor ainda! Parabéns e obrigada!
gbt4-min

Jandrei Sartori Spancerski

Eles não estão pra brincadeira... Utilizam os conceitos de melhoria contínua até mesmo para realizar melhorias na qualidade e conteúdo das aulas... e dá-lhe Six Sigma!
gbt3

Fernanda Silva

Irá agregar muito na minha carreira profissional, melhoria de processo traz ganho de tempo ao projeto com qualidade!

O que você vai aprender

- A história da Melhoria (onde terá uma base sólida de onde surgiram as técnicas que tanto falamos hoje nas empresas).
Além disso, um Green Belt deve dominar o básico da metodologia, que será passado através das aulas de:
- Os conceitos fundamentais (os 4 pilares do conhecimento profundo de Deming)
- Mudança e Melhoria (o que são e suas diferenças)
- Entendendo a variação (aprenda como não se enganar com seus dados)
- Criando mudanças que serão melhorias
- O Ciclo PDSA e a aquisição de conhecimento
- Exemplos de PDSA
- Abordagens e Roteiros
- Colocando em perspectiva
- O que é a fase Define
- A Voz do Cliente (VOC) - As ferramentas que podemos usar para ouví-la e entendê-la, como a árvore CTC e o diagrama de afinidades.
- O SIPOC - Uma ferramenta excelente para se enxergar seus processos e sua organização.
- Mais exemplos de SIPOC
- O Contrato de Melhoria - Uma importante ferramenta para se manter o foco na equipe de melhoria.
- Estudo de Caso - Um exemplo de projeto de melhoria do começo ao fim, ilustrando quando e como usar cada ferramenta
- Outras ferramentas do Define - Como as planilhas de comunicação e de stakeholders.
- A fase do Measure
- A Porta de Processos
- Mapeamento de processos - Como fazer um mapeamento de processos fiel ao que está acontecendo, capaz de nos ajudar a enxergar possibilidades de melhoria.
- Tipos de Fluxograma - Aprendendo sobre fluxogramas verticais, multifuncionais, diagramas de espaguete e sobre o VSM.
- Tipos de variáveis - Identificando com quais dados vamos trabalhar.
- Coleta de dados - Aprendendo sobre formulários de coleta de dados e sobre Folhas de Verificação, uma importante ferramenta da qualidade.
- Análise de variação e Gráfico de Tendência - Aprendendo a utilizar essas ferramentas para identificar causas comuns e especiais.
- Minitab - Para consolidar essas análises e descobrir muitas outras ferramentas

O Minitab será usado várias vezes durante o curso. Todas as ferramentas estatísticas avançadas que passaros serão implementadas no software


- Exemplo do uso do Minitab com dados reais
- Gráficos de frequência - Aprendendo ainda mais sobre os dados que coletamos.
- Frequência de variáveis classificatórias - Entendendo como inferir sobre características de populações.
- Gráfico de Pareto - Para aprender a priorizar o trabalho.
- Distribuição normal e normalidade - Usando modelos estatísticos para sofisticar a análise de causas comuns e causas especiais.
- Gráfico de Controle - Começando a aplicar o Controle Estatístico do Processo.
- Análise de Capabilidade - Avaliando se o nosso processo é capaz de atender as especificações do cliente e prevendo a quantidade de produtos fora dos padrões de qualidade.
- A fase do Analyse - Desenvolvendo mudanças que vão gerar melhoria, baseado sempre em fatos e dados .
- O Diagrama de Causa e Efeito
- Os 5 porquês
- Análise de Valor e ECRS
- Poka Yoke
- Conceitos de mudança
- Correlação entre variáveis
- Correlação com variáveis classificatórias
- Planejamento de Experimentos
- Experimento Fatorial
- O Control e o encerramento do projeto
- Exercícios
- O Improve e os testes
- Matriz de Priorização

Certificação Green Belt Online

Para você que tem pouco tempo, uma agenda complicada e prefere uma opção flexível

Green Belt Online

Comece a mudar sua carreira

Carga horária: 60 horas-aula / 4 horas de coaching / 1 ano de suporte

  • Certificado Green Belt
  • Certificado Minitab

R$ 1.750,00 ou 12 vezes de R$ 145,00

Desconto Grupos: 5% para cada pessoa adicional (até o máximo 30%)

Fique tranquilo. Você não precisa pagar nada nesse momento.

 

 

 

Professores

Conheça os professores que elaboraram o curso!

CV Murilo

Master Black Belt. Engenheiro mecânico, mestre e doutorando pela Unicamp . Atua em projetos de melhoria desde os tempos da graduação. Já treinou diversos profissionais de Green Belt e de Black Belt de empresas como Tetra Pak, Klabin, Santander, etc. Foi co-responsável pelo desenvolvimento do curso de Green Belt da FM2S e é um dos instrutores com quem você terá aulas.

CV Virgilio

Master Black Belt atuando e coordenando mais de uma centena de projetos de melhoria. É engenheiro mecânico, mestre e doutor pela Unicamp, sendo que seu doutorado foi um marco no processo de gerenciar inovações. Também foi gerente de melhoria de processos na Ambev, onde pode entender melhor a realidade de grandes empresas. O Virgilio é um dos co-desenvolvedores do curso de Green Belt, onde pode por sua experiência acadêmica e em grandes empresas a serviço da melhoria no Brasil. Ele também é um dos instrutores com quem você terá aulas no nosso curso .

CV Egont

Físico formado pela Unicamp , com mestrado em Engenharia Mecânica pela mesma instuição. Atualmente é doutorando também pela Unicamp em Engenharia Mecânica com ênfase em Materiais e Processos de Fabricação. Com experiência na indústria e em análises estatísticas complexas da academia, é um dos professores do curso de Green Belt da FM2S. Egont também foi professor do Instituto Paula Souza.
  • Dayane

    Boa noite!
    Tem turma de Green Beltrão prevista para Recife?

    No aguardo

    • FM2S

      Olá Dayane,

      Ainda não temos turmas no Recife, mas assim que colocarmos, vamos avisar!

  • Luiza Hildebrando de Freitas

    Previsão para Porto Alegre?

    • Virgilio Marques Dos Santos

      Olá Luiza. Pretendemos lançar o primeiro em julho. Você gostaria de pré-reservar para você e seus colegas?

  • Jose

    Tem o curso presencial em BH ?